Verissimo não escreveu que ‘assistir ao BBB é ajudar a Globo a ganhar rios de dinheiro’

Por Luiz Fernando Menezes

1 de fevereiro de 2022, 18h40

Não é de Luis Fernando Verissimo a afirmação de que “assistir ao BBB é ajudar a Globo a ganhar rios de dinheiro e destruir o que ainda resta dos valores sobre os quais a nossa sociedade foi construída”, como alegam nas redes (veja aqui). Este é o trecho final de um texto que circula na internet desde 2010 e que não foi redigido pelo escritor.

No Facebook, a peça de desinformação acumulava ao menos 1.200 compartilhamentos nesta terça-feira (1º).


Selo falso

Post engana ao atribuir a Veríssimo crítica ao Big Brother Brasil

O escritor Luis Fernando Verissimo não escreveu nem disse que assistir ao Big Brother Brasil é “ajudar a Globo a ganhar rios de dinheiro e destruir o que ainda resta dos valores sobre os quais foi construída nossa sociedade”. Esta é a frase final de um texto chamado A vergonha, que é falsamente atribuído ao escritor pelo menos desde 2010.

O próprio escritor negou ser dele o texto, em nota enviada ao Blog do Noblat naquele ano (o link original está fora do ar, mas o texto pode ser encontrado aqui): “Não poderia escrever nada sobre o Big Brother Brasil, a favor ou contra, porque sou um dos três ou quatro brasileiros que nunca o acompanharam”, disse Verissimo na ocasião.

Em 2011, no programa Altas Horas, ele voltou a negar a autoria da mensagem: “Não há como impedir isso. Internet é uma espécie de terra de ninguém, né? Qualquer pessoa pode escrever o que quiser ali, botar a assinatura que quiser e tá feito”.

A mensagem crítica ao BBB também já foi creditada ao professor de música Marcelo Guido Noronha, que negou a autoria ao Aos Fatos. O texto também circulou de forma apócrifa.

Esta peça de desinformação foi desmentida também pelo e-Farsas e pelo Boatos.org.

Referências:

1. O Globo
2. Melodia Web
3. GShow
4. Usina de Letras
5. Andif


Aos Fatos integra o Third-Party Fact-Checking Partners, o programa
de verificação de fatos da Meta. Veja aqui como funciona a parceria.

Topo

Usamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concordará com estas condições.