É falso que Bolsonaro disse que ‘pobre não sabe lidar com dinheiro’

Por Marco Faustino

19 de janeiro de 2022, 18h27

Publicações nas redes sociais (veja aqui) atribuem ao presidente Jair Bolsonaro (PL) as frases "pobre não sabe lidar com dinheiro”, “patrão não deveria dar dinheiro para o trabalhador, mas apenas casa e comida” e “dê dinheiro para o pobre e ele vai gastar em bebida e cigarro", mas não há registros públicos que atestem que ele as tenha dito.

O conteúdo enganoso reunia ao menos 4 mil compartilhamentos no Facebook nesta terça-feira (18) e foi amplificado pelo ex-deputado federal Marco Maia (PT-RS).


Selo falso

Pobre não sabe lidar com dinheiro. Patrão não deveria dar dinheiro para o trabalhador, mas apenas casa e comida. Dê dinheiro para o pobre e ele vai gastar em bebida e cigarro. - Presidente Jair Bolsonaro

Não há registros públicos de que o presidente Jair Bolsonaro (PL) disse as frases listadas nas postagens checadas, como Aos Fatos verificou em pesquisas em mecanismos de busca, na imprensa, em pronunciamentos oficiais, publicações nas redes sociais e nas notas taquigráficas da Câmara dos Deputados. Tampouco há declarações como essas no contador do Aos Fatos de checagens das falas presidenciais.

Em julho de 2018, a Folha de S.Paulo publicou reportagem que resgatava declarações de quando Bolsonaro era vereador no Rio de Janeiro, de janeiro de 1989 a fevereiro de 1991. Entre as falas extraídas pelo jornal dos registros do Diário da Câmara Municipal, há uma em que ele afirma que “a mão de obra excedente no Brasil é dessa classe mais carente, que não sabe fazer nada”. O teor do comentário, entretanto, é diferente do das frases listadas na peça desinformativa.

"A mão de obra excedente no Brasil é dessa classe mais carente, que não sabe fazer nada. Eu recebo de vez em quando alguns ex-soldados em meu gabinete, então digo 'companheiro, vou te empregar onde? O que você sabe fazer?' E ele responde: 'Sei puxar cordinha de canhão, sei rastejar, sei fazer faxina'. Vou colocá-lo onde? Com que cara vou solicitar para um amigo meu um emprego para uma pessoa que não tem uma qualificação como essa?", disse Bolsonaro, segundo o jornal, que não informou a data da declaração.

Em entrevista ao documentarista Carlos Juliano Barros, em 2015, o então deputado federal Bolsonaro novamente disse que os mais pobres não fazem nada. A declaração, porém, também difere das três frases que vêm sendo veiculadas agora nas redes.

“O cara tem três, quatro, cinco, dez filhos e é problema do Estado, cara. Ele já vai viver de Bolsa Família, não vai fazer nada. Não produz bem, nem serviço. Não produz nada (...) Fez oito filhos, aqueles oito filhos vão ter creche, escola, depois cota lá na frente. Para ser o quê na sociedade? Para não ser nada”, disse Bolsonaro na ocasião.

Procurado por Aos Fatos, o Palácio do Planalto não se manifestou.

Referências:

1. Aos Fatos
2. Folha de S. Paulo
3. Twitter


Aos Fatos integra o Third-Party Fact-Checking Partners, o programa
de verificação de fatos da Meta. Veja aqui como funciona a parceria.

Topo

Usamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concordará com estas condições.