Vídeo de funeral encenado foi gravado na Jordânia em 2020, não recentemente na Palestina

Compartilhe

Não é verdade que um vídeo mostra palestinos encenando a morte de uma pessoa durante o conflito recente entre Israel e o Hamas, como alegam publicações nas redes. As imagens, na realidade, foram gravadas em 2020 na Jordânia por um grupo de jovens que burlava as restrições impostas pelo governo durante a pandemia de Covid-19.

Publicações com o conteúdo enganoso acumulavam centenas de compartilhamentos no Facebook e 4.500 visualizações no Telegram até a tarde desta terça-feira (17). O conteúdo circula também no WhatsApp, plataforma na qual não é possível estimar o alcance (fale com a Fátima).


Selo falso

Ah, os "Fakestinos" inovando com lições da tão conhecida "impressa canhota" brasileira. Com certeza, a melhor maneira de lidar com notícias duvidosas é um "míssil desmascarador"! Afinal, quem precisa de jornalismo quando temos a pirotecnia das conspirações?

Post difunde vídeo de funeral encenado na Jordânia em 2020 como se fosse falso enterro de palestino durante guerra entre Israel e o grupo extremista palestino Hamas

Um vídeo que mostra uma pessoa envolta em uma mortalha se erguendo do chão e correndo após ouvir uma sirene policial tem circulado nas redes como se fosse recente e mostrasse um funeral encenado por palestinos. As imagens, no entanto, foram gravadas na Jordânia em 2020 e registram um funeral encenado por jovens que tentavam burlar as restrições de circulação impostas durante a pandemia de Covid-19.

A filmagem começou a circular nas redes dias após a Jordânia declarar estado de emergência, em 20 de março de 2020, e determinar um toque de recolher para tentar conter a expansão da pandemia. As autoridades do país ordenaram que todos os estabelecimentos fossem fechados e que as pessoas não saíssem de casa.

Na época, as imagens também foram reproduzidas no contexto correto por veículos de comunicação da Jordânia e dos Emirados Árabes Unidos, como Royal News, 24.ae e Orient TV.

Leia mais
Nas Redes Vídeo de funeral encenado foi gravado na Jordânia, não na Faixa de Gaza

Esta não é a primeira vez que o vídeo circula fora de contexto nas redes brasileiras. Em maio de 2021, Aos Fatos desmentiu publicações que alegavam que as imagens mostravam o falso enterro de um palestino supostamente morto nos ataques conduzidos por Israel à Faixa de Gaza.

Compartilhe

Leia também

Ações clandestinas da ‘Abin paralela’ realçam violências reais

Ações clandestinas da ‘Abin paralela’ realçam violências reais

falsoIdosa foi presa por tráfico, não por participar dos atos golpistas do 8 de Janeiro

Idosa foi presa por tráfico, não por participar dos atos golpistas do 8 de Janeiro

falsoLula devolveu 423 presentes recebidos durante mandatos anteriores

Lula devolveu 423 presentes recebidos durante mandatos anteriores