Vídeo que mostra governador da Bahia dançando sem máscara é de 2018, não atual

Por Priscila Pacheco

18 de junho de 2021, 18h40

Não é atual, mas de 2018, um vídeo em que o governador da Bahia, Rui Costa (PT), aparece sem máscara dançando forró em meio a várias pessoas, diferentemente do que alegam postagens nas redes (veja aqui). As imagens foram gravadas durante visita do petista à região de Irecê e também mostra os senadores Otto Alencar (PSD) e Jaques Wagner (PT) cantando. O governo baiano desmentiu a falsa atribuição do vídeo.

A peça de desinformação contava com ao menos 3.248 compartilhamentos nesta sexta-feira (18) e foi marcada com o selo FALSO na ferramenta de verificação da rede social (entenda como funciona). No Twitter, posts acumulam pelo menos 369 retweets.


A turma do fique em casa e da CPI da cloroquina. Todos sem máscaras no final de semana na Bahia.Governador da Bahia Rui Costa. Senador da CPI Otto Alencar. Senador Jaques Wagner. Legal, né...

É falso que tenha sido gravado em meio à pandemia o vídeo em que políticos baianos como o governador Rui Costa (PT) e os senadores Jaques Wagner (PT) e Otto Alencar (PSD) aparecem em uma festa sem máscara. As imagens são de maio de 2018.

O vídeo original foi postado no canal de YouTube Irecê BA Minha Cidade. Na época, Rui Costa inaugurou obras e entregou certificados do CAR (Cadastro Ambiental Rural) para agricultores em Jussara e Lapão, municípios da microrregião de Irecê.

As postagens enganosas foram desmentidas pelo governo da Bahia na terça-feira (15). O mesmo vídeo já havia circulado ainda em 2018 para insinuar que os políticos estavam participando da festa durante a greve de caminhoneiros, mas também foi desmentido por um veículo local, o Jornal Grande Bahia.

As peças de desinformação atuais foram checadas pela Agência Lupa e pelo Fato ou Fake.

Referências:

1. YouTube Irecê BA minha cidade
2. Governo da Bahia (Fontes 1, 2 e 3)
3. Jornal Grande Bahia (Fontes 1 e 2)
4. Globo Play


De acordo com nossos esforços para alcançar mais pessoas com informação verificada, Aos Fatos libera esta reportagem para livre republicação com atribuição de crédito e link para este site.

Usamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concordará com estas condições.