Ferramenta do Aos Fatos para transcrição de áudios é selecionada na iniciativa Jogo Limpo

23 de junho de 2022, 11h10

O Escriba, ferramenta desenvolvida pelo Aos Fatos para transcrição automática de áudios, foi um dos projetos inovadores selecionados pelo Jogo Limpo, iniciativa do ICFJ (Centro Internacional para Jornalistas) com apoio do YouTube Brasil para reforçar o combate à desinformação eleitoral no país. O anúncio foi feito nesta quinta-feira (23).

Por meio de apoio financeiro e mentoria especializada, o Jogo Limpo permitirá ao Aos Fatos investir no Escriba para oferecê-lo gratuitamente a outras redações, de modo a reduzir o tempo gasto pelos jornalistas para transcrever declarações. O projeto também prevê a construção de um “banco de discursos” dos candidatos à Presidência da República neste ano, o que possibilitará produção mais eficiente de checagens e análises.

Hoje, o Escriba é usado pelos checadores do Aos Fatos principalmente na transcrição de declarações públicas do presidente Jair Bolsonaro, compiladas no contador de checagens. Com a proximidade da campanha eleitoral, ele também tem auxiliado a redação no monitoramento de falas dos presidenciáveis. A ferramenta existe desde janeiro deste ano.

“Escriba é uma ferramenta com o potencial de revolucionar o trabalho de jornalistas e, especialmente, checadores. Esses profissionais lidam com uma grande quantidade de informação em formato audiovisual que, de outra forma, jamais seria alcançada se não fosse a ajuda de inteligência artificial”, afirma Tai Nalon, diretora executiva do Aos Fatos.

Além do Aos Fatos, o Jogo Limpo selecionou projetos apresentados por Núcleo, Redes Cordiais, Instituto Vero, O Liberal e Agência Pública. Veja todos aqui.

Topo

Usamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concordará com estas condições.