🕐 Esta reportagem foi publicada há mais de seis meses

É falso que Boulos prometeu sair do Brasil após perder eleição em São Paulo

Por Priscila Pacheco

30 de novembro de 2020, 14h53

Não é verdade que o candidato Guilherme Boulos (PSOL) disse que deixaria o Brasil após ter perdido a eleição em São Paulo para o prefeito Bruno Covas (PSDB), prefeito reeleito neste domingo (29). A informação falsa foi veiculada pelo site Aconteceu nas redes sociais na noite da votação (veja aqui). Além de a assessoria do psolista ter negado a veracidade do anúncio, não há qualquer registro público de que ele tenha dito isso.

No Facebook, postagens com o conteúdo enganoso acumulavam ao menos 1.100 compartilhamentos nesta segunda-feira (30) e foram marcadas com o selo FALSO na ferramenta de verificação (veja como funciona).


FALSO

Após derrota por Bruno Covas, Boulos promete deixar o país: “não aguento mais”

Uma publicação do site Aconteceu afirma que Guilherme Boulos (PSOL) disse que pretende sair do Brasil após perder a eleição em São Paulo para o prefeito Bruno Covas (PSDB), reeleito neste domingo (29). Esta informação é FALSA. A assessoria de Boulos negou que ele tenha dito algo parecido nem há registros na imprensa que atestem essa alegação.

O Aos Fatos também verificou as redes sociais do candidato, o vídeo de pronunciamento publicado após a confirmação da vitória de Covas e as últimas notícias sobre as eleições, mas não encontrou citação sobre eventual saída de Boulos do país após o pleito.

Eleições. Bruno Covas foi reeleito com 59,38% dos votos (3.169.121 votos) na cidade. Já Boulos obteve 40,62% dos votos (2.168.109 votos).

Não foi possível contatar o site Aconteceu. A seção de contatos estava em branco na tarde desta segunda-feira (30) e o Aos Fatos não havia localizado perfis no Facebook vinculados à página até a publicação desta checagem.

Referências:

1. G1

Usamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concordará com estas condições.