Canal History não disse que incêndios no Havaí foram provocados por armamentos

Compartilhe

Não é verdade que o canal History tenha afirmado que os recentes incêndios que assolaram o Havaí, nos Estados Unidos, tenham sido provocados por armamentos de energia dirigida. O vídeo com a logomarca do History Brasil aparece em peças enganosas que insinuam que o desastre não teve causas naturais. A gravação original pertence, na verdade, ao canal Fatos Desconhecidos, no YouTube, e apenas lista teorias da conspiração sobre o incêndio que circulam nas redes, o que não as comprova.

Publicações com o conteúdo enganoso acumulavam 5.320 curtidas no Instagram nesta quarta-feira (23).


Selo falso

Incêndio no Havaí foi provocado. Fonte: Canal History

Print mostra post no Instagram que alega que o canal History afirmou que o incêndio no Havaí foi provocado; gravação, no entanto, não pertence ao canal.

Posts nas redes enganam ao afirmar que o canal History veiculou que os recentes incêndios que deixaram mais de 110 mortos no Havaí, nos EUA, não ocorreram de maneira natural e teriam sido provocados por meio de armamentos de energia dirigida. O History Brasil afirmou ao Aos Fatos que não veiculou o vídeo que está sendo difundido. “É tudo fake”, diz um trecho da resposta.

A gravação original foi originalmente difundida pelo canal Fatos Desconhecidos, no YouTube, no dia 18 de agosto, e não possui a logomarca do History. Nela, o apresentador Ivan Lima não afirma que os incêndios ocorreram de forma não natural. Na verdade, ele narra hipóteses de teor conspiratório que circulam nas redes, como a utilização de uma arma de energia dirigida. Uma checagem anterior do Aos Fatos já mostrou que são falsos os vídeos de supostos raios laser atingindo o solo do Havaí.

As publicações enganosas têm alegado que algumas imagens da região dos incêndios mostram casas inteiramente destruídas pelo fogo perto de árvores que permaneceram em pé. Rory Harden, investigador de incêndios da Universidade de Edimburgo, explicou em entrevista à BBC que é comum que as árvores não sejam derrubadas porque “grandes pedaços de madeira levam muito tempo para queimar”, e esse processo também é dificultado pela umidade desse tipo de vegetação.

A causa inicial dos incêndios florestais que atingiram o Havaí ainda não foi identificada, mas especialistas apontam que a falta de chuvas e os fortes ventos do furacão Dora foram responsáveis pelo alastramento do fogo.

Compartilhe

Leia também

Por um uso ético da IA no jornalismo

Por um uso ético da IA no jornalismo

falsoBolsonaro não admitiu em áudio participação de Flávio em ‘rachadinha’

Bolsonaro não admitiu em áudio participação de Flávio em ‘rachadinha’

falsoFilho de Lula não comprou a Azul Linhas Aéreas

Filho de Lula não comprou a Azul Linhas Aéreas