Porchat não é filiado ao PT; imagem usada em posts é de vídeo do Porta dos Fundos

Por Amanda Ribeiro

20 de dezembro de 2019, 15h53


Uma imagem do ator e comediante Fábio Porchat trajando camisa do PT tem circulado nas redes sociais em publicações que afirmam que ele é um “petista atuante e filiado” (veja aqui). A imagem, porém, foi extraída de uma esquete do Porta dos Fundos, publicada no YouTube em 2016, que satiriza justamente os comentários nas redes de que os seus integrantes seriam de esquerda.

Ainda assim, em busca na base de dados do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), Aos Fatos não encontrou nenhum registro de associação partidária de Fábio Porchat.

Postagens com críticas a Porchat passaram a ser compartilhadas nas redes desde que foi lançado no início de dezembro na Netlix o filme de especial de Natal do Porta dos Fundos A Primeira Tentação de Cristo, que apresenta Jesus Cristo como homossexual.

No Facebook, as publicações que compartilham a imagem do comediante com a camisa do PT já acumulam cerca de 8.000 compartilhamentos. Todas elas foram marcadas com o selo FALSO na ferramenta de monitoramento da rede social (saiba como funciona).


FALSO

Fábio Porchat, o criador do filme falando que Jesus seria gay, não é nada mais que um PTista atuante e filiado. Você ainda acredita nesse partido?

Publicações difundidas nas redes sociais compartilham uma imagem do comediante Fábio Porchat com a camisa do PT e afirmam que ele é filiado ao partido. No entanto, além de Porchat não ter qualquer filiação partidária, a imagem foi retirada de um vídeo do canal do Porta dos Fundos no YouTube que satiriza os comentários que circulam nas redes sobre a orientação ideológica dos integrantes do grupo humorístico.

Além do comediante, o vídeo mostra Gregório Duvivier, Antonio Tabet e João Vicente de Castro com camisas também do PT e da CUT (Central Única dos Trabalhadores) encenando que foram desmascarados pelos “comentaristas de política” do YouTube e que, por isso, estão perdendo seguidores no canal.

Em busca em base de dados do TSE, é possível verificar que Porchat não é filiado a nenhum partido político. Seu pai, Fábio Ferrari Porchat de Assis, é associado ao PV (Partido Verde) e já foi deputado estadual em São Paulo.

Especial de Natal. O Porta dos Fundos e seus integrantes têm sido alvos de diversos ataques dentro e fora das redes sociais desde o lançamento do especial de Natal A Primeira Tentação de Cristo, no dia 3 de dezembro. No filme, Gregório Duvivier vive um Jesus Cristo que se assume homossexual.

Na última segunda-feira (16), o Aos Fatos checou, por exemplo, que Fábio Porchat não foi acusado de fraudar documentos para burlar Lei Rouanet, como afirmavam publicações nas redes.

Referências:

1. TSE