Mulher em vídeo que convoca 'maconhaço' por Lula não é filha de Maria do Rosário

Por Marco Faustino

10 de junho de 2021, 18h49

Não é filha da deputada federal Maria do Rosário (PT-RS) a mulher que aparece em um vídeo convocando um “maconhaço” em favor do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), como alegam posts nas redes sociais (veja aqui). A gravação é de 2016 e mostra esquete de uma personagem da atriz Rafaella Gappo que satiriza militantes de esquerda. Tanto ela como a parlamentar negaram as alegações contidas nas postagens checadas.

Publicações com a associação enganosa somavam ao menos 75 mil compartilhamentos até a tarde desta quinta-feira (10), e foram marcadas com o selo FALSO na ferramenta de verificação da rede social (entenda como funciona).


Em quarentena, filha de Maria do Rosário organiza manifestação a Lula

Não é verdade que um vídeo mostre Maria Paula Pacheco, filha da deputada federal Maria do Rosário (PT-RS), convocando um “maconhaço” em favor do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na praia do Leblon, no Rio de Janeiro. A gravação exibe a atriz Rafaella Gappo interpretando Fê Minazzi, uma personagem que satiriza militantes de esquerda. Tanto a deputada quanto Gappo já desmentiram as alegações em suas redes sociais.

Em sua página no Facebook, a personagem se apresenta como “homofóbica-fóbica, feminicida-cida e racista-cista”. O tom de sátira também fica evidente em seu perfil, que é sinalizado como fictício. Além disso, a própria atriz fez um post em sua rede social, em janeiro de 2019, em que negou ser filha da parlamentar.

Esta não é a primeira vez que a personagem é apresentada em postagens como filha de Maria do Rosário. Em 2019, Aos Fatos verificou um outro vídeo em que Fê Minazzi diz que traficantes seriam "ícones" da educação superior brasileira. Na época, por meio de seu perfil verificado no Twitter, a deputada negou qualquer relação de parentesco.

Procurada por Aos Fatos, a assessoria da petista enviou uma mensagem com o link de uma publicação no Instagram da parlamentar, de abril deste ano, em que ela tece elogios à filha e volta a desmentir que a mulher que aparece no vídeo seja Maria Laura.

Referências:

1. Facebook (Fontes 1 e 2)
2. Aos Fatos
3. Twitter
4. Instagram

Usamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concordará com estas condições.