Foto é adulterada para mostrar camiseta com dizeres ‘crianças trans são sexy’

Compartilhe

Uma foto difundida por publicações nas redes sociais foi manipulada para fazer crer que um homem usou uma camiseta branca com os dizeres “trans kids are sexy” (“crianças trans são sexy”, em português) durante uma parada LGBT. Além de a foto original ter sido tirada durante uma parada LGBT nos Estados Unidos, em 2021 — e, portanto, não ser atual nem tirada no Brasil —, o homem retratado usava uma camiseta branca sem qualquer estampa.

Publicações que difundem a foto adulterada somavam centenas de compartilhamentos no Facebook e curtidas no Instagram nesta segunda-feira (12). As peças enganosas circulam também no WhatsApp, plataforma na qual não é possível estimar o alcance (fale com a Fátima)


Selo falso

‘Crianças trans são sexy’ é isso que está dizendo aí [na estampa da camiseta]

Foto de homem com camiseta contendo os dizeres “crianças trans são sexy” foi adulterada; a imagem original não contém qualquer estampa

Foi adulterada a foto que circula nas redes sociais que mostra um homem desfilando em uma parada LGBT com uma camisa contendo os dizeres em inglês ‘trans kids are sexy’ (“crianças kids são sexy”, em português). A foto original não é atual nem foi tirada no Brasil, tampouco a camisa branca contém qualquer estampa. O registro foi feito durante a Parada do Orgulho LGBT da cidade californiana de Palm Springs, nos Estados Unidos, em 7 de novembro de 2021.

Registro original foi feito em novembro de 2021, nos Estados Unidos, e nele não aparece quaisquer dizeres ou desenhos na camisa branca
Original. Foto original mostra que o homem estava usando uma camisa branca sem qualquer estampa e foi publicada no jornal californiano The Desert Sun em 7 de novembro de 2021 (Taya Gray/The Desert Sun)

O homem que aparece na foto é integrante da Desert Flaggers, uma organização não-governamental da região do Vale Coachella, na Califórnia, que se apresenta por meio de danças e rodopios com bandeiras do movimento LGBT. Ele e outros membros da organização desfilaram com camisetas brancas sem quaisquer dizeres ou desenhos, como pode ser visto durante uma transmissão ao vivo da parada LGBT.

Na foto adulterada também aparece o rosto do modelo e ativista social Desmond Napoles, que foi extraída de um banco de imagens. Atualmente, Napoles tem 15 anos, mas tinha 11 quando a foto utilizada na manipulação foi tirada. Em entrevista à AFP, a mãe do modelo disse que a foto do filho foi utilização sem permissão e que a manipulação amplifica o ódio anti-LGBT.

Compartilhe

Leia também

falsoVídeo é editado para fazer crer que família Bolsonaro apoia pré-candidatura de Pablo Marçal

Vídeo é editado para fazer crer que família Bolsonaro apoia pré-candidatura de Pablo Marçal

falsoPosts usam foto de outra pessoa para sugerir que autor de atentado contra Trump era trans

Posts usam foto de outra pessoa para sugerir que autor de atentado contra Trump era trans

Pré-candidato, Marçal oferece prêmio a seguidores e especialistas veem infração eleitoral

Pré-candidato, Marçal oferece prêmio a seguidores e especialistas veem infração eleitoral