Vídeo não mostra incêndio em comércios causado pela PF e pela Força Nacional

Compartilhe

Não é verdade que um vídeo registra estabelecimentos comerciais incendiados por ação da PF (Polícia Federal) e da Força Nacional, como afirmam peças de desinformação nas redes. A gravação, na realidade, registra comércios em Anapu (PA) que foram acidentalmente atingidos pelas chamas de uma queimada que supostamente teria se iniciado em um terreno vizinho.

Publicações com o conteúdo enganoso acumulavam 75 mil visualizações no Kwai, milhares de visualizações no TikTok e centenas de curtidas no Instagram até a tarde desta quinta-feira (5).


Selo falso

Tudo queimado aí. É um trabalho que a Polícia Federal fez com a Força Nacional [em Anapu]. Tudo pegando fogo aí

Em vídeo que circula nas redes, um homem não identificado mente ao associar a uma ação da PF e da Força Nacional um incêndio que atingiu estabelecimentos comerciais às margens da rodovia BR-230, em Anapu (PA). A queimada foi acidental e a principal hipótese é que tenha sido causada pelas chamas usadas para limpar um terreno vizinho.

Um carro-pipa da prefeitura de Anapu chegou a ser acionado para conter o fogo, mas ao chegar no local, a residência e os quatro estabelecimentos atingidos — duas oficinas mecânicas, uma loja de peças automotivas e uma borracharia — já haviam sido destruídos. O município não tem Corpo de Bombeiros, e a equipe mais próxima está lotada em Altamira (PA), a cerca de 140 km.

O vídeo compartilhado pelas peças de desinformação foi publicado originalmente em um canal pró-garimpo no Kwai. Além do incêndio em Anapu, o registro também mostra imagens de maquinários e tendas com eletrodomésticos sendo destruídos em meio a uma mata. Os registros originais dessas cenas não foram localizados pelo Aos Fatos.

Leia mais
Nas Redes Vídeo mostra veículos incendiados pela PF em operação contra garimpo ilegal, não ação do MST
Nas Redes Vídeo de balsa em chamas mostra ação contra garimpo ilegal, não incêndio criminoso de petistas

Ainda que a queimada não tenha sido causada por agentes federais, é fato que a PF e outros órgãos, como o Ibama, têm permissão para destruir equipamentos usados em garimpos ilegais quando não há condições de retirá-los e apreendê-los em galpões. A autorização é baseada no decreto 6.514/2008, que regulamentou a Lei de Crimes Ambientais, de 1998.

Referências

  1. YouTube
  2. G1
  3. O Liberal
  4. Governo federal (1 e 2)

Compartilhe

Leia também

Federal Police investigation uncovers illegal operation targeting Aos Fatos

Federal Police investigation uncovers illegal operation targeting Aos Fatos

falsoDiscurso sobre ‘califado conquistar Paris’ é de 2020 e não tem relação com eleições francesas

Discurso sobre ‘califado conquistar Paris’ é de 2020 e não tem relação com eleições francesas

falsoDeputado do PT não disse que governo está sem dinheiro

Deputado do PT não disse que governo está sem dinheiro