É falso que ‘G1’ noticiou que Suzane von Richthofen declarou voto em Lula

Por Marco Faustino

5 de abril de 2022, 13h20

Não é verdade que o G1 noticiou que Suzane von Richthofen declarou voto no ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e incentivou jovens a regularizar o título de eleitor, como afirmam postagens nas redes sociais (veja aqui). Segundo o Grupo Globo, a informação nunca foi veiculada e a imagem é uma montagem. Por meio de ferramentas de análise, Aos Fatos verificou marcas de manipulação na peça compartilhada. Não há informações públicas sobre o posicionamento político de Richthofen.

Postagens que difundem a montagem reuniam ao menos 1.000 compartilhamentos no Facebook nesta terça-feira (5). A imagem falsa também circula no Twitter e Instagram.


Selo falso

G1 não noticiou que Suzane von Richthofen votará em Lula

O G1 não publicou uma reportagem em que afirma que Suzane von Richthofen, condenada a 39 anos e seis meses de detenção pela morte dos pais, incentiva jovens a regularizar o título de eleitor e declara voto em Lula. O Grupo Globo informou que a imagem que vem sendo difundida nas redes sociais é uma montagem.

Por meio das ferramentas de verificação e análise de conteúdos WeVerify e MeVer, Aos Fatos encontrou marcas de manipulação na imagem compartilhada. Há alterações significativas de pixels no texto e na foto: o comparativo entre a captura de tela de uma notícia publicada no G1 e a montagem (veja abaixo) mostra que, na imagem manipulada, o texto aparece com contornos mal definidos, ilegível e com mais regiões de alterações de pixel.

Comparação entre montagem e reprodução do G1 mostra manipulação
Comparativo. Análise de pixels mostra diferença entre montagem (à esq.) e captura de tela de notícia real (à dir.)

Em busca na imprensa, Aos Fatos não localizou textos com o mesmo título ou que mostram o posicionamento político de Suzane von Richthofen.

Referências:

1. Migalhas
2. Aos Fatos
3. MeVer
4. G1


Aos Fatos integra o Programa de Verificação de Fatos Independente da Meta. Veja aqui como funciona a parceria.

Topo

Usamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concordará com estas condições.