É falso que foto mostra Guilherme Boulos ao lado de integrantes do Hamas

Compartilhe

Não são membros do Hamas os dois homens que aparecem em foto com o deputado Guilherme Boulos (PSOL-SP) segurando um cartaz com os dizeres “PSOL com a Palestina”. A imagem, registrada durante uma visita de Boulos à Cisjordânia em 2018, mostra os brasileiros Juliano Medeiros e Fred Henriques, também membros do PSOL.

Publicações com o conteúdo enganoso acumulavam centenas de compartilhamentos no Facebook e centenas de curtidas no Instagram até a tarde desta quarta-feira (11).


Selo falso

Alguém sabe quem é esse garotão que está à esquerda, junto com seus amigos do Hamas?

Foto em que Boulos segura cartaz com dizeres ‘PSOL with Palestine’ é acompanhada de legenda que sugere que outros dois homens que aparecem na imagem seriam integrantes do Hamas

Publicações nas redes mentem ao afirmar que o deputado federal Guilherme Boulos aparece em foto ao lado de dois integrantes do Hamas. A imagem que vem sendo compartilhada foi registrada em 2018, quando o então candidato à presidência da República pelo PSOL viajou para a Cisjordânia (veja abaixo). Ao seu lado, estavam Juliano Medeiros, presidente do partido, e Fred Henriques, correligionário da sigla.

Comparação mostra que os dois homens que estão ao lado de Boulos na foto são, na verdade, membros do PSOL
‘PSOL com Palestina.’ Na foto, registrada na Cisjordânia, Boulos estava ao lado de Medeiros (1) e Henriques (2) (Pedro Charbel/PSOL/Juntos)

A alegação enganosa foi rechaçada por Boulos no X (ex-Twitter): “Minha defesa dos direitos do povo palestino é pública. Cheguei inclusive a realizar uma visita à Cisjordânia em 2018, da qual os bolsonaristas estão utilizando imagens para propagar Fake News. Agora, condeno sem meias palavras ataques violentos a civis, como os que mataram nas últimas horas 250 israelenses e 232 palestinos”, afirmou ele no post.

Leia mais
BIPE Políticos usam conflito entre Israel e Hamas para desinformar e alimentar polarização no Brasil
Nas Redes É falso que foto mostra Lula cumprimentando chefe do Hamas

Desde o final de semana, quando Hamas e Israel iniciaram um conflito armado, publicações nas redes têm usado desinformação para tentar associar a esquerda brasileira ao grupo extremista. Aos Fatos desmentiu, por exemplo, que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) teria tirado uma foto ao lado do líder do Hamas e que militantes LGBTQIA+ teriam sido sequestrados durante um evento pró-Hamas.

A Agência Lupa também desmentiu a peça de desinformação.

Referências

  1. Folha de S.Paulo
  2. X
  3. Aos Fatos (1 e 2)

Compartilhe

Leia também

Por um uso ético da IA no jornalismo

Por um uso ético da IA no jornalismo

falsoBolsonaro não admitiu em áudio participação de Flávio em ‘rachadinha’

Bolsonaro não admitiu em áudio participação de Flávio em ‘rachadinha’

falsoFilho de Lula não comprou a Azul Linhas Aéreas

Filho de Lula não comprou a Azul Linhas Aéreas