Vídeo em que público grita ‘Lula ladrão’ na Times Square é de novembro de 2022

Compartilhe

Um vídeo que mostra pessoas gritando “Lula, ladrão, seu lugar é na prisão” na Times Square, em Nova York, não foi gravado durante o encontro do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) com Joe Biden, presidente dos Estados Unidos, em fevereiro de 2023. A filmagem foi feita durante a gravação do DVD da dupla sertaneja Henrique e Juliano, em novembro de 2022.

Publicações com o conteúdo enganoso acumulavam 5.000 compartilhamentos no Facebook e 350 mil visualizações no TikTok nesta segunda-feira (13).


Selo falso

[Brasileiros lotam a Times Square e gritam contra Lula]. Isso aí está acontecendo na Times Square, em Nova York, enquanto o presidente Lula Larápio está se encontrando com o presidente Biden, dos Estados Unidos

Posts difundem que pessoas lotaram a Times Square, em Nova York, e entoaram cânticos de “Lula ladrão” durante visita de Lula aos EUA, em fevereiro de 2023, o que é falso.

Posts nas redes enganam ao afirmar que um vídeo que mostra pessoas gritando “Lula, ladrão, seu lugar é na prisão” na Times Square, ponto turístico de Nova York, foi gravado enquanto o presidente Lula se reunia com o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, em fevereiro de 2023. Por meio de busca reversa, o Aos Fatos verificou que o registro foi feito em 19 de novembro de 2022, durante a gravação do DVD da dupla sertaneja Henrique e Juliano.

Lula se reuniu com Biden na sexta-feira (10), na Casa Branca. Os dois líderes comunicaram que o fortalecimento da democracia, a promoção do respeito aos direitos humanos e o enfrentamento da crise climática estão no centro da agenda comum.

O Aos Fatos não encontrou registros de manifestação semelhante à registrada no vídeo, em Nova York, durante a recente viagem de Lula. Em Washington, um grupo pequeno de pessoas se manifestou contra e a favor do mandatário em frente à Blair House, conhecida como a “casa de hóspedes do presidente norte-americano”, onde Lula ficou hospedado.

Compartilhe

Leia também

Por um uso ético da IA no jornalismo

Por um uso ético da IA no jornalismo

falsoBolsonaro não admitiu em áudio participação de Flávio em ‘rachadinha’

Bolsonaro não admitiu em áudio participação de Flávio em ‘rachadinha’

falsoFilho de Lula não comprou a Azul Linhas Aéreas

Filho de Lula não comprou a Azul Linhas Aéreas