Marcola citado por Lula em live é seu assessor, não líder do PCC

Por Ethel Rudnitzki

22 de dezembro de 2023, 14h22

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) não se referia a Marcos Williams Herbas Camacho, líder da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital), quando disse que tinha que “aturar o Marcola” em transmissão ao vivo nas redes. Em live semanal gravada na última terça-feira (19), Lula mencionava o sociólogo Marco Aurélio Santana Ribeiro, chefe do gabinete pessoal do presidente da República.

O vídeo acompanhado do contexto enganoso acumulava centenas de curtidas no Instagram e 2.500 compartilhamentos no X até a tarde desta sexta-feira (22). A publicação também circula no WhatsApp, plataforma na qual não é possível estimar o alcance dos conteúdos (fale com a Fátima).


Selo falso

Oiii??? Aturar o Marcola???🤢🤢🤢

Post mostra trecho de fala de Lula em live e imagem de líder do PCC

Um trecho da live semanal de Lula tem circulado nas redes fora de contexto para sugerir que o presidente se referia a Marcos Willians Herbas Camacho, líder do PCC, quando questionou: “você pensa que é fácil aturar o Marcola?”. Na ocasião, no entanto, o petista fazia referência ao sociólogo Marco Aurélio Santana Ribeiro, também conhecido como Marcola, chefe do gabinete pessoal do presidente da República.

A declaração foi dada na última terça-feira (19) durante a live semanal Conversa com o Presidente. Em determinado ponto da transmissão (veja abaixo), Lula faz uma brincadeira ao mencionar diversas pessoas que trabalham com ele no governo.

"Você pensa que é fácil aturar o [Paulo] Pimenta, na Secom? Você pensa que é fácil aturar o [Ricardo] Stuckert? Você pensa que é fácil aturar o Marcola? Agora você pensa que é fácil ele me aturar também?", disse, referindo-se ao ministro da Secom (Secretaria de Comunicação Social da Presidência), Paulo Pimenta (PT), ao fotógrafo da Presidência Ricardo Stuckert e ao assessor Marco Aurélio Santana.

Procurada por Aos Fatos, a assessoria do presidente confirmou que ele se referia ao assessor. "Lamentamos que voltem fake news sobre esse assunto e que pessoas insistam em divulgar fake news para enganar pessoas com objetivos políticos", diz a nota.

Leia mais
Investigamos Como o bolsonarismo associou Lula ao PCC na véspera da eleição
Nas Redes Marcola citado por Lula em discurso é assessor do PT, não líder do PCC

Santana ficou conhecido em 2018 por ter assumido a função de levar e trazer cartas para Lula durante a época em que ele esteve preso em Curitiba. O assessor também é citado como próximo do presidente na biografia escrita por Fernando Morais. Desde a posse presidencial deste ano, ele ocupa o cargo de chefe de gabinete na Presidência da República.

Lula já mencionou o nome do assessor em outros discursos – que também foram distorcidos por peças de desinformação desmentidas por Aos Fatos. As publicações enganosas fazem parte de uma estratégia de associar falsamente o PT ao crime organizado.

Referências:

1. Governo Federal (1, 2, 3)
2. Youtube (Lula)
3. Estadão
4. Piauí
5. Cia das Letras
6. Aos Fatos (1, 2)

Topo

Usamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concordará com estas condições.