Poster do agregador

26.nov.2021

“Tanto é que nós fizemos que acabou 2020 com mais empregados que 2019.”

Devido às mudanças na metodologia do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) em 2020, não é possível comparar o total de empregos formais do ano passado com os dados anteriores e, por isso, a declaração é INSUSTENTÁVEL. Em janeiro de 2020, o Caged passou a considerar outras fontes de informação e a captar um volume mais amplo de dados. Antes, eram contabilizados apenas empregados contratados sob regime CLT, enquanto que a metodologia atual também considera trabalhadores temporários, avulsos e cedidos, agentes públicos e dirigentes sociais.

FONTE ORIGEM

REPETIDA 58 VEZES. Em 2021: 05.mai, 06.mai, 14.mai, 20.mai, 27.mai, 01.jun, 02.jun, 03.jun, 05.jun, 15.jun, 17.jun, 01.jul, 12.jul, 19.jul, 20.jul, 21.jul, 28.jul, 29.jul, 31.jul, 02.ago, 03.ago, 04.ago, 05.ago, 06.ago, 17.ago, 19.ago, 23.ago, 24.ago, 25.ago, 26.ago, 27.ago, 28.ago, 02.set, 05.set, 08.set, 21.set, 23.set, 28.set, 30.set, 07.out, 18.out, 20.out, 21.out, 22.out, 24.out, 27.out, 07.nov, 09.nov, 10.nov, 11.nov, 16.nov, 25.nov, 26.nov.

Tema: Economia. Origem: Outros

Em 1.318 dias como presidente, Bolsonaro deu 5.988 declarações falsas ou distorcidas

Esta base agrega todas as declarações de Bolsonaro feitas a partir do dia de sua posse como presidente. As checagens são feitas pela equipe do Aos Fatos semanalmente.

Atualizado em 11 de Agosto, 2022


Explore as afirmações

Filtros

Por tema

Por origem

Ordenar por

11.ago.2022

“E mais do que isso: alimenta mais de 1 bilhão de pessoas pelo mundo, além de nos dar a segurança alimentar aqui no Brasil. ”

Estudo da Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) publicado em março de 2021 aponta que, na verdade, a produção e a exportação de grãos e de carne bovina brasileira foi responsável pela alimentação de 772,6 milhões de pessoas em todo o mundo em 2020, o que corresponde a cerca de 10,5% da população mundial — é falso, portanto, que o Brasil alimenta 1 bilhão de pessoas, como disse o presidente. Descontados os 212,3 milhões de brasileiros, os autores do estudo concluem que 560,3 milhões de cidadãos de outros países se beneficiam dos alimentos produzidos no Brasil. Os dados são ligeiramente superiores aos estimados pela FAO (Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura), que apontou um total de 628,2 milhões de pessoas alimentadas, aos do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos, que calculou 625 milhões, e aos do IGC (International Grains Council), que indicou um total de 636,9 milhões de pessoas.

FONTE ORIGEM

REPETIDA 26 VEZES. Em 2021: 06.mar, 15.mai, 10.set, 17.set, 21.set, 22.set, 23.set, 01.nov, 15.nov, 16.nov. Em 2022: 17.mar, 23.mar, 19.abr, 29.abr, 11.mai, 10.jun, 30.jun, 05.jul, 18.jul, 21.jul, 23.jul, 24.jul, 25.jul, 11.ago.

Tema: Economia. Origem: Live

11.ago.2022

“Então nesse 1 milhão de inadimplentes, mandamos o projeto pro Congresso, depois sancionamos a anistia, né? Chega aos 99% da dívida, tá? Anistia 99% da dívida e pode pagar esse 1% restante em até 150 meses.”

Bolsonaro faz referência à MP 1.090/2021, posteriormente transformada na lei 14.375, que permite a renegociação dos débitos de estudantes inadimplentes que aderiram ao Fies (Fundo de Financiamento Estudantil) até o segundo semestre de 2017. O presidente, no entanto, é impreciso na declaração, pois os descontos de 99% são aplicados apenas aos que estão inadimplentes há mais de 360 dias e recebem benefícios sociais do governo, que correspondem, segundo cálculo do MEC (Ministério da Educação), a cerca de 17% dos 1 milhão de jovens que podem ser impactados pela medida. Os estudantes que têm débitos vencidos há mais de 90 dias da publicação da medida terão desconto de 12% no pagamento das mensalidades. Já os que possuem dívidas não quitadas há mais de 360 dias recebem descontos a partir de 77%. Devedores nessa categoria que integrem o Cadastro Único ou tenham recebido o Auxílio Emergencial em 2021 terão abatimento ainda maior, de 99%. Juros e multas serão perdoados e o prazo de pagamento é de até 150 meses. De acordo com informações enviadas pelo FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação) ao Poder 360, cerca de 1,09 milhão de estudantes foram beneficiados pela medida, e o valor médio da dívida é de R$ 34.800.

FONTE ORIGEM

REPETIDA 12 VEZES. Em 2022: 29.abr, 05.mai, 12.mai, 14.mai, 30.mai, 24.jun, 28.jun, 01.jul, 05.jul, 17.jul, 11.ago.

Tema: Economia, Educação. Origem: Live

11.ago.2022

“Pra nós aqui: o IPCA de julho tivemos a primeira deflação desde a série histórica de 1980.”

Bolsonaro faz confusão com os dados divulgados pelo IBGE sobre o IPCA de julho, pois foi registrada deflação, mas não é a primeira desde 1980. Em maio de 2020, por exemplo, o Brasil registrou deflação de -0,38%, e em setembro de 2019, houve uma deflação de -0,04%. Na verdade, a deflação registrada em julho de 2022, de -0,68%, foi a maior registrada desde o início da série histórica, em 1980.

FONTE ORIGEM

Tema: Economia. Origem: Live

11.ago.2022

“Até quando assumi, em 2018, esses figurões, né? Figurões que vinham elogiando lá os governos da época, podiam pegar até 10 milhões por ano [via Lei Rouanet]. Botamos um ponto final nisso.”

Bolsonaro repete alegações incorretas sobre a Lei de Incentivo à Cultura (lei 8.313/91), também conhecida como Lei Rouanet. Na verdade, até abril de 2019, a lei previa um teto para a soma dos projetos de cada proponente. Para pessoa física e empresário individual com enquadramento em MEI (Microempresário Individual), o valor máximo era de R$ 1,5 milhão para um total de até quatro projetos por ano. Para outros enquadramentos de empresários individuais, o teto era de R$ 7,5 milhões para até oito projetos por ano. Por fim, para Eireli (Empresas Individuais de Responsabilidade Limitada), Sociedades Limitadas e demais pessoas jurídicas, o valor máximo era de R$ 60 milhões para até 16 projetos por ano. Com as mudanças promovidas pelo governo em abril de 2019, o teto para cada projeto passou a ser de R$ 1 milhão, e uma empresa do setor cultural pode captar até no máximo R$ 10 milhões. Em fevereiro de 2022, os valores foram reduzidos mais uma vez, e o teto, por exemplo, para projetos de tipicidade normal, como peças de teatro não musical, passou para R$ 500 mil. Também foram reduzidos cachês e verba para divulgação.

FONTE ORIGEM

REPETIDA 2 VEZES. Em 2022: 27.jul, 11.ago.

Tema: Cultura. Origem: Live

11.ago.2022

“E que ninguém paga nenhuma taxa pra usar o Pix. ”

A declaração de Bolsonaro é incorreta, porque omite que usuários do Pix pagam taxas em algumas modalidades. No caso de pessoas físicas, MEIs ou EIs, o envio de Pix não é tarifado, mas é possível que haja cobranças no recebimento no caso de operações de compra e venda e prestação de serviços. Enquadram-se nesses casos pessoas que receberam mais de 30 Pix por mês, receberam valores por QR Code dinâmico ou receberam Pix de outras empresas. Uma operação também é considerada comercial quando a conta bancária a que se destina o valor foi cadastrada como exclusivamente comercial. Já no caso de pessoas jurídicas, tanto o envio como o recebimento de Pix podem ser tarifados. A cobrança das tarifas pode ser livremente definida pelas instituições financeiras.

FONTE ORIGEM

REPETIDA 15 VEZES. Em 2022: 16.fev, 23.fev, 24.fev, 07.mar, 10.mar, 04.abr, 11.abr, 28.abr, 29.abr, 02.jun, 10.jun, 13.jun, 28.jun, 28.jul, 11.ago.

Tema: Economia. Origem: Live

11.ago.2022

“Facilitamos a vida da população. Quando a gente vê que o número de pessoas empregadas no Brasil com carteira assinada bateu o recorde, não é à toa. ”

O presidente confunde os dados divulgados pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) no dia da gravação da live. Segundo a última PNAD (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) Contínua, o Brasil atingiu o maior número absoluto de pessoas ocupadas desde a série histórica iniciada em 2012: 97,5 milhões de pessoas. Esse número, no entanto, não representa apenas a população com carteira assinada, mas também empregados sem carteira e informais. Além disso, o número total de pessoas ocupadas não é a estatística mais correta para se falar em número recorde de pessoas empregadas, uma vez que a população brasileira cresce anualmente. O correto, portanto, seria utilizar a taxa de ocupação, que leva em consideração o número de pessoas na força de trabalho. De acordo com o IBGE, o Brasil possui hoje um nível de ocupação de 55,2%, o segundo maior do governo Bolsonaro — no quarto trimestre de 2019, o percentual foi de 56,5%.

FONTE ORIGEM

REPETIDA 6 VEZES. Em 2022: 30.jun, 01.jul, 15.jul, 20.jul, 11.ago.

Tema: Economia. Origem: Live

11.ago.2022

“Deixo claro que dados da Embrapa, uma área, né, um lago do tamanho de um campo de futebol produz de 10 a 15 toneladas por ano de tilápia. Isso é sem cuidado nenhum. Só larga lá. ”

Bolsonaro faz referência a um relatório sobre sistemas de cultivo de tilápia produzido pelo Empaer (Empresa Mato-Grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural) e publicado no site da Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária). De acordo com o estudo, a quantidade de peixes produzidos por hectare varia de acordo com o sistema de criação adotado. No caso de sistemas extensivos ou artesanais, como o citado pelo presidente, em que os animais são criados em represas e não há uso de tecnologia, a produção pode ir de 100 kg a 1 tonelada ao ano. Como a produção é muito inferior à citada por Bolsonaro, a declaração foi classificada como FALSA.

FONTE ORIGEM

REPETIDA 8 VEZES. Em 2020: 05.nov. Em 2021: 11.nov, 19.nov. Em 2022: 12.jan, 03.fev, 31.mar, 11.ago.

Tema: Economia. Origem: Live

11.ago.2022

“Se você compartilhar e e fizer a piscicultura, né? Com ração, etc., multiplica-se por dez. Então, campo de futebol destinado a piscicultura pode produzir de 100 a 150 toneladas de peixe por ano. ”

Bolsonaro faz referência a um relatório sobre sistemas de cultivo de tilápia produzido pelo Empaer (Empresa Mato-Grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural) e publicado no site da Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária). De acordo com o estudo, a quantidade de peixes criados por hectare — extensão de 100 m x 100 m — varia de acordo com o sistema de criação adotado. No caso de sistemas superintensivos, em que os animais são compartimentados em tanques, a produção pode chegar a mais de 20 toneladas por hectare ao ano. Como o número citado por Bolsonaro é muito superior ao apontado no relatório, sua declaração foi considerada falsa.

FONTE ORIGEM

REPETIDA 17 VEZES. Em 2020: 01.out. Em 2021: 29.jun, 27.set, 21.out, 04.nov, 11.nov, 19.nov, 25.nov, 24.dez. Em 2022: 12.jan, 13.jan, 03.fev, 31.mar, 02.jun, 11.ago.

Tema: Economia. Origem: Live

09.ago.2022

“Esse volume [R$ 900 bi] dava pra você fazer 60 vezes a Transposição do São Francisco.”

Partindo da premissa de que teria sido desviado da Petrobras durante governos petistas uma soma de R$ 900 bilhões, Bolsonaro afirma que o dinheiro perdido na estatal poderia custear 50 transposições do rio São Francisco, que teriam custado R$ 14 bilhões. Ainda que o valor gasto com as obras de transposição até o momento tenha sido, de fato, R$ 14,5 bilhões, não foram desviados R$ 900 bilhões da Petrobras; por isso, a declaração foi classificada como FALSA. Citado por Bolsonaro em outras ocasiões como a soma total do endividamento da estatal durante governos petistas, o montante de R$ 900 bilhões é também superior à dívida contraída pela empresa entre 2003 e 2015. De acordo com as demonstrações financeiras publicadas pela Petrobras, a dívida bruta da companhia em 31 de dezembro de 2015 era de R$ 492,849 bilhões — corrigida pelo IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), a cifra ficaria atualmente em R$ 681,4 bilhões. Em 2003, os resultados divulgados pela Petrobras à Bovespa (Bolsa de Valores de São Paulo) indicavam um endividamento total de R$ 63,791 bilhões (R$ 176 bilhões, corrigidos) — uma diferença, portanto, de R$ 429,058 bilhões em valores nominais e de R$ 505,4 bilhões se considerada a correção pela inflação.

FONTE ORIGEM

REPETIDA 2 VEZES. Em 2022: 08.fev, 09.ago.

Tema: Corrupção, Economia. Origem: Discurso

09.ago.2022

“A pista do Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu alongou 600 metros. Passaram a vir de fora, que não pousavam no Brasil, paravam na Argentina, passou a parar no Brasil.”

Ao comentar sobre as obras custeadas com recursos da Itaipu Binacional, Bolsonaro afirma mais uma vez que a extensão da pista do Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu, inaugurada em abril de 2021 com recursos da estatal, teria permitido que o aeroporto passasse a receber voos internacionais. Isso, no entanto, é impreciso. Em nota ao Aos Fatos, a Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária) confirmou que voos vindos de outros países, como Argentina, Bolívia, Chile e Peru, já eram operados antes da inauguração. O que não havia era a possibilidade de voos internacionais de longo curso, vindos da América Central, da América do Norte e de países europeus, por exemplo, chegarem à cidade porque requerem aeronaves de grande porte. "Com isso, companhias aéreas com rotas de longo alcance para América do Sul, tendo como destino final Foz do Iguaçu, tinham, necessariamente, que pousar em países vizinhos. Em Puerto Iguazú, na Argentina, eram comuns voos vindos de Madri (Espanha), por exemplo, por conta do tamanho da pista. As cidades ficam aproximadamente 15 quilômetros distantes uma da outra", diz um trecho da nota.

FONTE ORIGEM

REPETIDA 30 VEZES. Em 2021: 22.jul, 27.jul, 28.jul, 29.jul, 05.ago, 12.ago, 17.ago, 25.ago, 27.out, 07.nov, 25.nov, 07.dez, 09.dez. Em 2022: 27.jan, 31.jan, 22.fev, 07.mar, 16.mar, 21.mar, 12.abr, 02.jun, 05.jun, 15.jun, 19.jun, 12.jul, 24.jul, 09.ago.

Tema: Infraestrutura. Origem: Discurso

09.ago.2022

“Eu fui o primeiro governo que pegou o teto de gastos.”

A declaração é falsa. A PEC 55/2016 entrou em vigor em 2017, durante o governo Michel Temer (MDB), que exerceu o cargo durante dois anos com a lei que estabelecia o teto de gastos já em vigência. A medida determina que o Orçamento do governo federal não pode ser maior do que o do ano anterior, sendo reajustado apenas pela inflação.

FONTE ORIGEM

REPETIDA 2 VEZES. Em 2022: 08.ago, 09.ago.

Tema: Economia. Origem: Discurso

09.ago.2022

“Gastamos, além do teto, R$ 700 bi em 2020 com a pandemia.”

Bolsonaro mais uma vez exagera ao citar os gastos do governo com medidas de combate à Covid-19 em 2020. De acordo com dados do Tesouro Transparente, plataforma de monitoramento de gastos do governo federal, foi despendida até o mês de dezembro de 2020 uma soma de R$ 524 bilhões com a aquisição de insumos, o auxílio financeiro a estados e municípios, o auxílio emergencial e outros programas de transferência de renda, entre outros. O valor não chega ao citado por Bolsonaro nem se considerarmos os gastos previstos e não executados: esses totalizaram R$ 604,7 bilhões.

FONTE ORIGEM

REPETIDA 21 VEZES. Em 2021: 15.jun, 05.set, 14.out, 15.out, 08.nov, 25.nov, 11.dez. Em 2022: 14.jan, 03.fev, 08.fev, 09.fev, 11.fev, 18.fev, 25.mar, 14.abr, 16.abr, 24.mai, 23.jun, 25.jul, 27.jul, 09.ago.

Tema: Coronavírus, Economia. Origem: Discurso

09.ago.2022

“Gastamos com o auxílio emergencial em 2020 o equivalente a 15 anos de Bolsa Família.”

É falso que o governo federal tenha gastado o equivalente a 15 anos do Bolsa Família com o pagamento do auxílio emergencial no primeiro ano de pandemia. De acordo com dados do Ministério da Cidadania, foram despendidos com o Bolsa Família entre 2005 e 2019 R$ 434,1 bilhões, em valores corrigidos pela inflação. Já dados do Tesouro Transparente indicam que o governo Bolsonaro pagou R$ 293,1 bilhões de auxílio emergencial em 2020.

FONTE ORIGEM

REPETIDA 12 VEZES. Em 2022: 16.mai, 06.jun, 15.jun, 26.jun, 27.jun, 28.jun, 30.jun, 14.jul, 24.jul, 25.jul, 30.jul, 09.ago.

Tema: Coronavírus, Economia. Origem: Discurso

09.ago.2022

“O site Humaniza Redes tava bem claro: se você achasse um homem com uma criança de dois ou três anos ele deveria ser conduzido a um hospital, e não a uma delegacia de polícia, porque certamente essa pessoa, esse homem adulto, ao lado de outra criança do lado, ele precisava de proteção. Ele pode estar sofrendo transtorno psicológico. Arranjaram encrenca comigo.”

Bolsonaro se referia a uma publicação feita em outubro de 2015 pelo Humaniza Redes, projeto lançado naquele ano pelo Ministério dos Direitos Humanos, no Facebook. Diferentemente do que o presidente sugere, no entanto, a postagem não "relativizava a pedofilia" nem dava orientações para a denúncia de pedófilos. Por isso, a declaração foi classificada como falsa. A publicação, intitulada "Mitos e Verdades sobre a violência sexual contra crianças e adolescentes", dizia que a pedofilia seria um transtorno de personalidade caracterizado pelo desejo sexual por crianças pré-púberes e que os abusos podem ser cometidos também por pessoas que não possuem esse transtorno. Na época, a publicação foi criticada por usuários das redes sociais que argumentaram que o texto estaria "relativizando a pedofilia". A SBP (Sociedade Brasileira de Psicologia), no entanto, chegou a emitir uma nota para defender a publicação do projeto e explicar que agressores sexuais podem ter outros transtornos, como o Transtorno da Personalidade Antissocial.

FONTE ORIGEM

REPETIDA 10 VEZES. Em 2021: 17.mai, 05.out, 27.out, 22.nov. Em 2022: 31.mar, 27.abr, 19.mai, 15.jul, 09.ago.

Tema: Ideologia. Origem: Discurso

08.ago.2022

“O Pix, foi meu governo que criou.”

Bolsonaro afirma mais uma vez que o Pix foi uma criação de seu governo, o que não é verdade. Apesar de ter sido lançado em novembro de 2020, durante a sua gestão, a plataforma de transferências instantâneas começou a ser estudada pelo Banco Central em 2016 e teve suas principais diretrizes definidas em 2018, ainda durante o governo de Michel Temer (MDB). Em dezembro de 2016, o então presidente da instituição, Ilan Goldfajn, afirmou à imprensa que o BC se preparava para lançar uma ferramenta inspirada no Zelle, modelo de pagamentos instantâneos anunciado por uma fintech dos EUA. Ainda naquele ano, servidores do banco produziram um relatório sobre os possíveis benefícios desse tipo de sistema, que passou a ser mais discutido ao longo de 2017. Por fim, em maio de 2018, foi instituído um grupo de trabalho chamado "Pagamentos Instantâneos", que estabeleceu as principais diretrizes para o que viria a ser o Pix. Posteriormente, já no início do governo Bolsonaro, foram realizados processos técnicos de desenvolvimento de sistema e criação da marca, segundo nota enviada pelo Banco Central ao UOL.

FONTE ORIGEM

REPETIDA 12 VEZES. Em 2022: 05.mai, 17.mai, 30.mai, 05.jun, 28.jun, 01.jul, 05.jul, 13.jul, 15.jul, 28.jul, 02.ago, 08.ago.

Tema: Economia. Origem: Entrevista

Topo

Usamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concordará com estas condições.