Vídeo não mostra Lula sendo expulso de velório de padre

Por Marco Faustino

8 de julho de 2022, 11h10

É falso que um vídeo mostra a expulsão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) do velório de um padre, como afirmam postagens nas redes sociais (veja aqui). As cenas mostram uma manifestação diante da Câmara Municipal do Recife na terça-feira (5), quando seria votada uma homenagem à primeira-dama Michelle Bolsonaro. O petista não estava presente no local.

Publicações com o vídeo enganoso reuniam ao menos 110 mil visualizações no Kwai e 1,1 mil compartilhamentos no Facebook nesta quinta-feira (7).


Selo falso

Lula é expulso de velório de padre

Posts enganam ao difundir vídeo que mostraria Lula sendo expulso do velório de um padre, o que é falso.

Um vídeo que mostra uma manifestação no Recife circula nas redes sociais com a alegação falsa de que se trata da expulsão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva do velório de um padre. As cenas, que mostram manifestantes com bandeiras do Brasil descendo uma rampa e vaiados por dezenas de pessoas, foram gravadas na terça-feira (5), durante um protesto contra uma homenagem à primeira-dama Michelle Bolsonaro na Câmara Municipal da capital pernambucana. Lula estava em São Paulo naquele dia.

Embora o Aos Fatos não tenha localizado o vídeo original, há elementos visuais que mostram que se trata do mesmo evento ao comparar fotos e vídeos gravados na ocasião. Em fotos divulgadas pelo Sintepe (Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco) é possível verificar cartazes com frases contra o presidente Jair Bolsonaro (PL) que aparecem no vídeo desinformativo. Também há elementos estruturais do prédio da Câmara Municipal idênticos em ambas as imagens (confira abaixo).

Comparativo mostra elementos idênticos entre uma foto divulgada pelo Sintepe e o vídeo difundido pelas peças checadas
Faixa de protesto. Frame do vídeo enganoso (acima) e foto divulgada pelo Sintepe (abaixo) com estruturas prediais e cartaz contra Bolsonaro

Comparativo mostra elementos idênticos entre uma foto divulgada pelo Sintepe e o vídeo difundido pelas peças checadas
Semelhanças. Frame do vídeo enganoso (D) e parte de foto divulgada pelo Sintepe (E) com o cartaz "Srs. vereadores. Não manchem a bandeira de Pernambuco"

Em um vídeo divulgado pela deputada estadual Clarissa Tércio (PP-PE), é possível verificar que um manifestante segura um cartaz preto e branco com os dizeres “Fora Bolsonaro”. O material é idêntico ao que aparece no vídeo enganoso difundido pelas peças checadas (confira abaixo).

Comparativo mostra elementos idênticos entre um frame do vídeo gravado pela deputada estadual Clarissa Tércio e um frame do vídeo difundido pelas peças checadas.
Prova. Frame do vídeo enganoso (D) e trecho de vídeo gravado por Clarissa Tércio (E) com o mesmo cartaz contra Bolsonaro.

A homenagem a Michelle Bolsonaro seria a concessão da medalha de mérito Olegária Mariano, destinada a pessoas de destaque em atividades culturais, políticas, científicas e sociais. A proposta foi rejeitada por 16 votos a 9. Na data da votação, Lula estava em São Paulo e almoçou com empresários na sede da Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo).

O vídeo também tem sido associado de forma enganosa à presença de Lula no velório do cardeal Cláudio Hummes, realizado na Catedral da Sé, na capital paulista, nesta quarta-feira (6). O Aos Fatos não encontrou registro de que o petista tenha sido expulso do local. Hummes e Lula eram próximos — nos anos 1970, o então bispo de Santo André apoiou greves, abrigou Lula em uma igreja e protegeu operários durante a ditadura.

Referências:

1. Facebook (Fontes 1 e 2)
2. Alepe
3. Folha de Pernambuco
4. UOL
5. G1
6. O Globo


Aos Fatos integra o Programa de Verificação de Fatos Independente da Meta. Veja aqui como funciona a parceria.

Topo

Usamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concordará com estas condições.