Vídeo mostra ato bolsonarista em SP em 2019, não em SC recentemente

Por Luiz Fernando Menezes

27 de junho de 2022, 17h55

Não foi gravado em Santa Catarina neste sábado (25) o vídeo em que uma multidão grita “a nossa bandeira jamais será vermelha”, como alegam postagens nas redes sociais (veja aqui). As imagens foram registradas em novembro de 2019 na avenida Paulista, em São Paulo (SP), segundo verificou Aos Fatos ao comparar elementos do vídeo com outras fotos tiradas na manifestação bolsonarista no dia 17 daquele mês.

Publicações com o vídeo descontextualizado somavam ao menos 3.000 compartilhamentos no Facebook até a tarde desta segunda-feira (27).


Selo falso

As robozadas de Bolsonaro atuaram muito hoje [25/6] em SC

Post usa vídeo antigo gravado em SP como se fosse manifestação bolsonarista recente em SC

É antigo e não foi gravado em Santa Catarina o vídeo que circula nas redes sociais que mostra uma multidão gritando “a nossa bandeira jamais será vermelha”. As imagens foram registradas na avenida Paulista, próximo à estação de metrô Trianon-Masp e à sede da Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo), em novembro de 2019.

Embora não tenha encontrado o vídeo original, Aos Fatos verificou o local e a data de gravação ao comparar elementos semelhantes entre as imagens. É possível, por exemplo, observar as fachadas de uma faculdade e de duas agências bancárias lado a lado (veja abaixo).

Comparação entre frame do vídeo e imagem do Google Street View mostra as fachadas da faculdade Cruzeiro do Sul e dos bancos Bradesco e Santander
Protestos. Frame do vídeo (E, reprodução) mostra fachadas da faculdade Cruzeiro do Sul e dos bancos Bradesco e Santander, assim como imagem do Street View (D, Google).

Outros elementos mostram que a gravação foi feita em novembro de 2019 — no dia 17 daquele mês, manifestantes se reuniram em diversas cidades brasileiras, incluindo São Paulo, para pedir o impeachment do ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Gilmar Mendes. Uma foto publicada no Twitter naquele dia mostra uma placa com a frase “Robô!?? É a sua mãe”, e um homem de azul abaixo dela.

Foto de 2019 mostra homem de azul segurando placa sobre robô e mulher de óculos escuros, idênticas às que aparecem no vídeo que vem sendo compartilhado
Semelhanças. Homem que segura cartaz e mulher de chapéu e óculos escuros aparecem com a mesma roupa em foto postada em 2019 (Reprodução/Twitter)

Também é possível ver uma faixa escrita “Impeachment” sendo levantada pelos manifestantes e um cartaz com os dizeres “In Moro we Trust”, em referência a Sergio Moro, então ministro da Justiça e Segurança Pública do governo de Jair Bolsonaro (PL). Ele deixou o governo em maio de 2020 e, depois disso, passou a ser atacado por bolsonaristas.

Frames do vídeo mostram indícios de que registro foi feito em 2019
Mais indícios. Homem segura cartaz com a frase "In Moro We Trust" (E) e militantes balançam faixa (D) com a inscrição "impeachment" (Reprodução)

O presidente Jair Bolsonaro de fato esteve em Santa Catarina no último fim de semana. Ele participou da Marcha para Jesus em Balneário Camboriú, no sábado (25). O evento contou com uma aglomeração de apoiadores, que foi registrada pela imprensa local.

Referências:

1. Poder 360
2. Twitter
3. G1
4. O Povo
5. NSC Total


Aos Fatos integra o Programa de Verificação de Fatos Independente da Meta. Veja aqui como funciona a parceria.

Topo

Usamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concordará com estas condições.