Vídeo mostra disparo de mísseis na Faixa de Gaza, não na Ucrânia

Por Luiz Fernando Menezes

24 de fevereiro de 2022, 15h36

Um vídeo gravado na Faixa de Gaza em maio de 2021 que mostra mísseis disparados pelo Hamas na direção de Tel Aviv, em Israel, circula nas redes sociais atribuído aos recentes ataques da Rússia à Ucrânia (veja aqui). Na ocasião, a ofensiva do grupo palestino foi frustrada pelo sistema de defesa israelense.

Publicações com o vídeo descontextualizado somavam ao menos mil compartilhamentos nesta quinta-feira (24) no Facebook.


Selo falso

Ataque na Faixa de Gaza circula como se fosse na Ucrânia

Publicações nas redes sociais enganam ao atribuir ao conflito entre Rússia e Ucrânia um vídeo que foi gravado no ano passado na Faixa de Gaza.

As imagens mostram o momento em que cerca de 130 mísseis lançados pelo grupo islâmico Hamas em direção a Tel Aviv são interceptados pelas forças israelenses. O registro foi feito em 11 de maio de 2021 e veiculado originalmente pela AFP.

Naquela época, a região vivia uma escalada de tensões após famílias palestinas terem sido ameaçadas de despejo em Jerusalém. Ao todo, cerca de 4.300 foguetes foram lançados pelo grupo islâmico que controla a Faixa de Gaza em direção a Israel. O confronto durou onze dias e terminou com 245 palestinos e 13 israelenses mortos.

A Rússia iniciou, na madrugada desta quinta-feira (24), um ataque militar de larga escala em território ucraniano. Segundo a BBC, a região já registra explosões e tanques e tropas russas podem ser vistas nas ruas.

Essa peça de desinformação também circula na Espanha, tendo sido desmentida pelas agências de checagem locais Newtral e Maldita.

Referências:

1. AFP
2. El País
3. G1 (1, 2 e 3)
4. BBC


Aos Fatos integra o Third-Party Fact-Checking Partners, o programa
de verificação de fatos da Meta. Veja aqui como funciona a parceria.

Topo

Usamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concordará com estas condições.