Vídeo de tropas do Exército em Niterói é de 2018, não deste ano

Compartilhe

Não foi gravado recentemente um vídeo que mostra tropas do Exército nas ruas de Niterói (RJ), como sugerem postagens. Na verdade, o registro é de outubro de 2018, quando veículos militares passaram por pessoas que comemoravam o resultado da eleição daquele ano, na qual Jair Bolsonaro (então PSL) foi eleito presidente da República.

Publicações com o conteúdo enganoso acumulavam mais de 15 mil compartilhamentos no Facebook nesta quarta-feira (1°) e circulam também no Instagram, no Twitter e no WhatsApp, plataforma na qual não é possível estimar o alcance (fale com a Fátima).


Selo falso

O Exército está nas ruas (2/11). Compartilhem!

Vídeo antigo de tropas militares sendo aplaudidas nas ruas circula como se fosse recente

Um vídeo gravado em outubro de 2018 vem circulando nas redes sociais como se mostrasse veículos militares que estariam nas ruas brasileiras em adesão aos movimentos golpistas contra o resultado da eleição de 2022. A gravação original foi publicada pelo G1 em outubro daquele ano e mostra tropas do Exército na avenida Jornalista Alberto Francisco Torres, em Niterói (RJ).

Na ocasião, manifestantes que comemoravam a vitória de Jair Bolsonaro (então PSL) nas eleições ovacionaram tropas do Comando Militar do Leste que passaram pelo local após o fim de operações para garantir a segurança do pleito.

Desde a noite da última segunda-feira (31), quando apoiadores do presidente passaram a bloquear e paralisar estradas em vários pontos do Brasil, usuários nas redes sociais têm publicado vídeos de manifestações antigas para inflar o movimento ou sugerir que as Forças Armadas e policiais também não teriam aceitado a vitória de Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Aos Fatos desmentiu, por exemplo, que um vídeo mostraria tanques do Exército a caminho de Brasília e que outra gravação teria registrado policiais se unindo a um dos bloqueios.

Referências

  1. G1
  2. O Globo
  3. Aos Fatos (1 e 2)

Compartilhe

Leia também

Por um uso ético da IA no jornalismo

Por um uso ético da IA no jornalismo

falsoBolsonaro não admitiu em áudio participação de Flávio em ‘rachadinha’

Bolsonaro não admitiu em áudio participação de Flávio em ‘rachadinha’

falsoFilho de Lula não comprou a Azul Linhas Aéreas

Filho de Lula não comprou a Azul Linhas Aéreas