Vídeo de homem armado em moto é de 2016 e não foi gravado em Paraisópolis

Por Amanda Ribeiro

5 de dezembro de 2019, 15h41


Um vídeo de dezembro de 2016 que mostra dois homens em uma moto, um deles erguendo uma arma, no Jardim Elisa Maria, na zona norte de São Paulo, circula nas redes sociais como se tivesse sido gravado recentemente em Paraisópolis, na zona sul da cidade. As publicações (veja aqui) tiram as imagens de contexto para relativizar a ação da Polícia Militar que terminou com nove mortos por pisoteamento em um baile funk.

Compartilhado por perfis pessoais no Facebook, o vídeo com a falsa atribuição acumulava, até quinta-feira (5), cerca de 12 mil compartilhamentos. As postagens foram marcadas com o selo FALSO na ferramenta de verificação da rede social (saiba como funciona).


FALSO

Mais coitadinhos do Paraisópolis! Agora efetuando disparos e sem capacete, o que o menor dos Problemas. Pois se cai e morre, um a menos…

São de um baile funk na véspera do Natal de 2016 no Jardim Elisa Maria, na zona norte de São Paulo, as imagens que têm sido compartilhadas nas redes sociais como se fossem recentes e gravadas em Paraisópolis. A gravação, que foi exibida há três anos pelo programa Brasil Urgente, da Band, mostra dois homens em uma moto. No trajeto, o passageiro do veículo segura e aponta uma arma para cima.

Esta é a segunda peça de desinformação checada por Aos Fatos que relaciona vídeos de outros episódios em comunidades com o baile funk de Paraisópolis onde nove pessoas foram pisoteadas após ação da Polícia Militar no domingo (1º). A primeira relacionava uma gravação feita em Guariba (SP), cidade a 350 km de Paraisópolis, ao caso.

Referências:

1. Nexo
2. Aos Fatos