Não é verdade que Rio de Janeiro anunciou cancelamento do Carnaval em 2022

Compartilhe

É falso que a Prefeitura do Rio de Janeiro anunciou nesta semana o cancelamento do Carnaval na cidade em 2022, como alegam publicações nas redes sociais (veja aqui). Até esta quarta-feira (1º), os preparativos do município para o evento estavam mantidos. A programação, entretanto, pode ser revista se os indicadores da Covid-19 piorarem, segundo a Riotur (Empresa de Turismo do Município do Rio de Janeiro).

Postagens com a informação enganosa somavam ao menos 7.000 compartilhamentos no Facebook nesta quarta-feira (1º).


Selo falso

RIO DE JANEIRO… CARNAVAL 2022 CANCELADO GRAÇAS A DEUS.

Não é verdade que o Carnaval 2022 foi cancelado no Rio de Janeiro, como afirmam as postagens checadas. De acordo com a Riotur (Empresa de Turismo do Município do Rio de Janeiro), os preparativos para os desfiles das escolas de samba e os blocos de rua estão mantidos, mas podem ser revistos caso os indicadores da Covid-19 piorem.

Esta posição foi ressaltada pelo prefeito Eduardo Paes (DEM) em vídeo publicado no dia 29 de novembro no Twitter: “Qualquer evento ou festividade que irá, em tese, ocorrer daqui a semanas ou meses, eles só serão realizados caso haja condições seguras para tal”, afirmou.

A Liesa (Liga Independente das Escolas de Samba) já iniciou a venda de ingressos para os desfiles no Sambódromo, mas ressalta a quem compra as entradas que o evento pode ser adiado ou cancelado de acordo com o cenário epidemiológico da cidade. Já as associações que reúnem blocos de rua afirmaram ao G1 que só devem decidir sobre a realização da festa em janeiro, de acordo com as orientações do comitê cientifíco do Rio.

O Carnaval no ano que vem será entre os dias 26 de fevereiro e 1º de março. A Riotur publicou, no dia 26 de outubro, as propostas vencedoras do edital para o planejamento do evento. Outros editais continuam ativos e podem ser acessados aqui.

A AFP Checamos também desmentiu esta peça de desinformação.


Aos Fatos integra o Third-Party Fact-Checking Partners, o programa
de verificação de fatos da Meta. Veja aqui como funciona a parceria.


De acordo com nossos esforços para alcançar mais pessoas com informação verificada, Aos Fatos libera esta reportagem para livre republicação com atribuição de crédito e link para este site.

Referências

  1. Twitter @eduardopaes
  2. Riotur (1 e 2)
  3. Liesa
  4. G1

Compartilhe

Leia também

Ações clandestinas da ‘Abin paralela’ realçam violências reais

Ações clandestinas da ‘Abin paralela’ realçam violências reais

falsoIdosa foi presa por tráfico, não por participar dos atos golpistas do 8 de Janeiro

Idosa foi presa por tráfico, não por participar dos atos golpistas do 8 de Janeiro

falsoLula devolveu 423 presentes recebidos durante mandatos anteriores

Lula devolveu 423 presentes recebidos durante mandatos anteriores