Não é o prefeito de Porto Alegre homem que, em vídeo, diz que esquerda dividiu o Brasil

Por Luiz Fernando Menezes

3 de junho de 2024, 16h41

Um vídeo em que um homem diz que a esquerda “construiu um Brasil dividido” tem sido compartilhado como se mostrasse o prefeito de Porto Alegre, Sebastião Melo (MDB), o que é falso. Quem aparece na gravação é o ex-juiz do TJDFT (Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios) Everardo Ribeiro. Ele é filiado ao PMN, concorreu ao Senado pelo Distrito Federal em 2018 e não mora no Rio Grande do Sul.

Publicações com o conteúdo enganoso acumulavam centenas de compartilhamentos no Facebook e curtidas no Instagram até a tarde desta segunda-feira (3).

Leia mais
WHATSAPP Inscreva-se no nosso canal e receba as nossas checagens e reportagens

Selo falso

Prefeito de Porto Alegre. É de assistir várias vezes.🙏🙏🙏🙏🙏🙏 Os brasileiros de verdade que assistirem este vídeo, compartilhem com seus familiares, amigos . ESPALHEM PARA TODOS OS GRUPOS E NÃO DESISTAMOS VAMOS NOS UNIR AINDA ESSE BRASIL PARA ESSE ANO AINDA TEM JEITO.

Vídeo em que homem compara esquerda a formigas circula com legenda que o identifica como o prefeito de Porto Alegre

Um vídeo em que o ex-juiz Everardo Ribeiro (PMN-DF), candidato ao Senado pelo Distrito Federal derrotado em 2018, afirma que a esquerda dividiu o Brasil tem sido compartilhado nas redes como se mostrasse o prefeito de Porto Alegre, Sebastião Melo (MDB).

A gravação original foi publicada no perfil do TikTok de Ribeiro no dia 14 de maio. Nela, é possível perceber diferenças físicas entre ele e o prefeito da capital gaúcha (veja comparação abaixo). Melo, como pode ser verificado em vídeos e fotos em seu Instagram oficial, é mais grisalho do que o autor do vídeo. Também tem olhos em formato diferente dos olhos do ex-juiz.

Comparação mostra Sebastião Melo à esquerda e Everardo Ribeiro à direita.
Comparação. Melo tem olhos mais apertados e cabelo mais grisalho do que Ribeiro (Reprodução/Instagram e TikTok)

Leia mais
Explicamos Cinco gráficos que dimensionam o desastre climático no Rio Grande do Sul
Checamos Veja tudo o que já desmentimos sobre as enchentes no Rio Grande do Sul

Aos Fatos não encontrou nenhuma mensagem semelhante gravada por Melo em suas redes sociais. No final de maio, o prefeito gaúcho criticou a esquerda e disse que ela seria responsável por tentar culpá-lo pelas enchentes na cidade.

A AFP Checamos também desmentiu essa peça de desinformação.

Referências:

1. CLDF
2. TSE
3. TikTok (@juizeverardoribeiro)
4. Correio do Estado

Topo

Usamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concordará com estas condições.