Não é a ativista Greta Thunberg quem aparece com fuzil em vídeo

Por Luiz Fernando Menezes

11 de dezembro de 2019, 13h01


Não é verdade que é a ativista Greta Thunberg quem aparece com um fuzil em um vídeo que circula nas redes sociais (veja aqui). As imagens, na verdade, mostram uma mulher chamada Emmy, que publicou o vídeo em sua conta no Twitter no dia 7 de dezembro. Logo depois, ela também comentou que as pessoas a achavam parecida com a ativista e publicou uma foto sua de outro ângulo.

A peça de desinformação circula em versões em inglês e português e em diversas redes sociais, como Facebook, Twitter e Youtube. No Brasil, ela ganhou difusão na última terça-feira (10), depois de o presidente Jair Bolsonaro chamar Greta Thunberg de pirralha.

No Twitter, uma das publicações já acumula mais de 3,8 mil retweets e 17,2 mil curtidas. No Facebook, as postagens já passam dos 5.000 compartilhamentos. Todas as publicações foram marcadas com o selo FALSO na ferramenta de monitoramento da rede social (entenda como funciona).


FALSO

Um vídeo que mostra uma mulher praticando tiro com um fuzil tem sido compartilhado nas redes sociais em publicações que afirmam que a pessoa é a ativista Greta Thunberg: alguns posts apontam uma contradição entre o discurso da ativista e o uso de armas; outros dizem que o vídeo mostra Greta atirando em índios (veja abaixo). No entanto, quem aparece nas imagens não é a ativista, mas uma mulher chamada Emmy.

O vídeo compartilhado com a informação falsa foi originalmente publicado por Emmy em seu Twitter no último dia 7. Atualmente, sua conta na rede social está fechada apenas para seguidores, mas é possível ver a publicação por meio da ferramenta Wayback Machine, que guarda históricos de sites.

No mesmo dia, em outra publicação na rede social, Emmy conta que as pessoas no Twitter têm apontado semelhanças físicas entre ela e Greta.

Referências:

1. Wayback Machine