Lula não disse que ‘nem Deus tira essa eleição’ dele

Por Priscila Pacheco

5 de outubro de 2022, 19h10

Não é verdade que o G1 publicou que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disse durante um jantar com aliados e religiosos que “nem Deus tira essa eleição dele”, como afirmam postagens (veja aqui). A imagem compartilhada nas redes sociais é uma montagem que simula o portal de notícias. Não há registro da declaração, e a assessoria do petista negou a veracidade da alegação.

As postagens enganosas contam com ao menos 1.740 curtidas no Instagram. A desinformação também tem sido compartilhada no WhatsApp, mas não é possível estimar o alcance (fale com a Fátima).


Selo falso

Montagem simula ‘G1’ para enganar que Lula disse que ‘nem deus tira essa eleição dele’

O G1 não publicou uma reportagem que destaca que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disse em um jantar com aliados e religiosos que “nem Deus tira essa eleição dele”. A imagem disseminada é uma montagem que simula o site do Grupo Globo. A assessoria de imprensa do petista afirma que ele nunca fez a declaração nem participou de um jantar com religiosos na segunda-feira (3), data em que a suposta reportagem teria sido publicada.

Em pesquisas no site, Aos Fatos não encontrou textos com os mesmos título e autoria que aparecem na imagem que tem sido difundida. As últimas notícias publicadas pelo G1 relacionadas ao ex-presidente são sobre as alianças firmadas para o segundo turno. Pesquisas em mecanismos de busca também não resultaram em reportagens que destacassem a suposta declaração do petista.

O Aos Fatos também não encontrou a declaração nos discursos que Lula fez após a apuração do primeiro turno. Nos pronunciamentos para a imprensa e para apoiadores na noite de domingo (2), o presidenciável não citou Deus. Nesta segunda-feira (3), em uma reunião sobre planejamento para a campanha de segundo turno, Lula agradeceu a Deus pelo primeiro turno. Na terça-feira (4), o petista se encontrou com franciscanos da Igreja Católica por causa do Dia de São Francisco e comentou sobre as bênçãos de Deus.

Referências:

1. G1 (Fontes 1, 2 e 3)
2. Escriba (Fontes 1, 2, 3 e 4)


Aos Fatos integra o Programa de Verificação de Fatos Independente da Meta. Veja aqui como funciona a parceria.

Topo

Usamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concordará com estas condições.