Katy Perry, Snoop Dogg e Will.i.am não declararam apoio a Bolsonaro

Por Priscila Pacheco

8 de outubro de 2021, 16h54

Não é verdade que a cantora Katy Perry e os rappers Snoop Dogg e Will.i.am manifestaram apoio ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em shows recentes, como alegam posts nas redes sociais (veja aqui um exemplo). A alegação enganosa tira de contexto momentos de apresentações antigas em que esses artistas fazem algum tipo de homenagem ao Brasil.

Postagens com as citações enganosas surgiram no TikTok, mas acumulavam ao menos 3.100 compartilhamentos no Facebook nesta sexta-feira (8).


Katy Perry pede para o povo brasileiro continuar com o Bolsonaro!

A cantora americana Katy Perry não pediu em um show para o “povo brasileiro continuar com o Bolsonaro”. As imagens compartilhadas são de um trecho da apresentação da artista no Rock in Rio 2011 em que ela veste uma bandeira do Brasil para homenagear o público. Em nenhum momento políticos são citados e, naquela época, Jair Bolsonaro era deputado federal.

A cantora assinou uma carta com outros artistas em abril deste ano para pedir que o presidente americano Joe Biden não fechasse acordos ambientais com o Brasil. O documento faz críticas a Bolsonaro e afirma que as negociações teriam o risco de “legitimar” que está “incentivando a destruição ambiental e violações dos direitos humanos”.


Os Black Eyed Peas disseram que amam feijoada, amam o Brasil e amam o Bolsonaro também! Kkkk

Postagens nas redes também compartilham um vídeo gravado em um show da banda Black Eyed Peas em que o vocalista Will.i.am lista uma série de coisas que ama no Brasil, mas, ao contrário do que dizem as postagens, Bolsonaro não está entre elas. A gravação foi feita no show da banda no Rock in Rio 2019.

Na fala, o músico diz que ama feijoada, bossa nova, samba, Antônio Carlos Jobim, Sérgio Mendes, Jorge Ben Jor e funk. Ele dedica a música subsequente, “Where Is The Love”, às pessoas que moram na floresta amazônica. É possível ver a declaração completa a partir do minuto 58 de um vídeo do show.

Na época, algumas pessoas confundiram o termo “bossa nova” com “Bolsonaro” e protestaram durante a apresentação. Em 2018, a banda se manifestou contra Bolsonaro postando a hashtag #EleNão.

“BRASIL, estamos com vocês nessa luta! Muito amor, diversidade e respeito ? #ELENÃO #BIGLOVE”, postou. Posteriormente, o tweet foi excluído. Aos Fatos não encontrou registros de apoio a Bolsonaro por parte de Will.i.am ou de membros do Black Eyed Peas.


Snoop Dogg também está com o mitoooooo

Um vídeo gravado em um show do cantor Snoop Dogg também tem sido usado em postagens no TikTok para alegar que ele apoia Bolsonaro, mas o cantor não faz qualquer referência ao presidente na gravação.

As imagens foram registradas em um show de Snoop Dogg no Vivo Rio, no Rio de Janeiro, em 2011. Com uma camiseta da seleção brasileira, o rapper canta a música “Beautiful” e pede para a plateia acompanhá-lo.

Aos Fatos também não encontrou nenhuma manifestação de Snoop Dogg em apoio a Bolsonaro.

Referências:

1. YouTube (Fontes 1 e 2)
2. Omelete
3. G1 (Fontes 1 e 2)
4. Artists for Amazonia
5. UOL (Fontes 1, 2 e 3)


Aos Fatos integra o Third-Party Fact-Checking Partners, o programa
de verificação de fatos do Facebook. Veja aqui como funciona a parceria.

Usamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concordará com estas condições.