Site simula página do ‘G1’ para promover suplemento alimentar proibido no Brasil

Por Priscila Pacheco

9 de maio de 2022, 14h21

Um site que simula o design do G1 tem circulado em postagens nas redes sociais para fazer crer que o portal do Grupo Globo noticiou que a cantora sertaneja Simone Mendes perdeu mais de 14 quilos com uso do suplemento alimentar lipotramina (veja aqui). Tal notícia não existe e a comercialização desta substância não está autorizada no Brasil.

O conteúdo enganoso reunia ao menos centenas de compartilhamentos no Facebook nesta segunda-feira (9).


Selo falso

Página sobre remédio para emagrecer simula site do ‘G1’

É falso que o G1 publicou uma manchete em que afirma que a cantora sertaneja Simone Mendes perdeu mais de 14 quilos ao usar lipotramina, um suplemento alimentar cuja venda é proibida no Brasil. A alegação enganosa consta em um site que reproduz o design do portal do Grupo Globo para promover a substância.

Aos Fatos não localizou reportagem no G1 sobre a substância, que não tem registro nem autorização da Anvisa para ser comercializada no Brasil. O texto enganoso teria sido publicado em 27 de fevereiro, data em que não há conteúdo no portal sobre Simone Mendes ou sobre a cantora Naiara Azevedo, também citada na reportagem. O Grupo Globo informou que o texto e o site atribuídos ao G1 são falsos.

É possível verificar as diferenças entre a simulação e o design real de uma página do G1 ao compará-las. No topo da reportagem falsa, aparecem à esquerda os termos “g1, ge, gshow, videos”. Já no site verdadeiro, o menu é mais centralizado e contém encaminhamentos para “globo.com, g1, ge, gshow e globoplay”. Além disso, no lado direito, há um campo para assinatura e login, o que não aparece no site falso. Confira a comparação abaixo:

Diferenças entre página falsa (acima) e página verdadeira do G1 (abaixo)
G1. Página falsa não tem campo para login e acrescenta link para vídeo no cabeçalho

Simone Mendes. O site enganoso falsifica postagens colocadas por Simone Mendes em seu perfil no Instagram. Em uma foto, uma caixa do emagrecedor foi adicionada digitalmente a uma foto em que ela divulga um creme hidratante. Em outra, a palavra “lipotramina” e um emoji de coração roxo são adicionadas a uma postagem em que ela aparece de vestido branco. Não foi encontrada nenhuma referência à substância na rede social da artista.

O site também distorce uma declaração da cantora em dezembro de 2021 sobre suas tentativas de perder peso. Em vídeo publicado em seu canal oficial no YouTube, Simone disse que perdeu 25 quilos com acompanhamento médico, mas rechaça o uso de remédios emagrecedores.

“Não acreditem em medicamentos mentirosos. Andam usando minha imagem. Inclusive, tive que processar algumas marcas que estão usando a minha imagem dizendo que emagreci com remédio. É mentira!”, diz.

Também aparece no texto uma foto de Simone ao lado de um homem que se chamaria Paulo Trindade, o que é falso. O homem, na verdade, é Weder Willian, médico responsável pela aplicação de botox na cantora em 2017. A imagem foi usada para ilustrar reportagem sobre a artista e o procedimento estético feito na época.

Naiara Azevedo. A publicação também tira de contexto uma frase da cantora Naiara Azevedo para afirmar que ela teria tomado lipotramina. “Eu era imensa, e agora só ficou o branco dos olhos”, disse a cantora em fevereiro de 2017, no programa É de Casa, da TV Globo. Na ocasião, Naiara explicou que emagreceu com acompanhamento médico, dieta e atividade física, mas não cita o uso de medicamentos emagrecedores.

O site enganoso também falsifica postagens do Instagram de Naiara Azevedo. Foi adicionada à postagem em que ela aparece com um maiô colorido a frase “Gente, após tanta procura finalmente um funcionou, lipotramina”, e um emoji de coração roxo. Na publicação original, a cantora não faz referência ao medicamento.

Referências:

1. G1 (Fontes 1, 2, 3 e 4)
2. Instagram Simone Mendes (Fontes 1 e 2)
3. Youtube Simone Mendes
4. Diário do Nordeste
5. Revista Quem (Fontes 1 e 2)
6. GShow
7. Instagram Naiara Azevedo


Aos Fatos integra o Programa de Verificação de Fatos Independente da Meta. Veja aqui como funciona a parceria.

Topo

Usamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concordará com estas condições.