Foto de Joice Hasselmann em hospital é de março e não tem relação com a Covid-19

Por Luiz Fernando Menezes

18 de junho de 2020, 12h43


A foto em que a deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP) posa amparada por uma enfermeira no corredor de um hospital não foi tirada após ela anunciar nesta quarta-feira (17) que contraiu Covid-19, como afirmam publicações nas redes sociais (veja aqui). O registro é de 2 de março, quando a parlamentar se recuperava de uma cirurgia no útero.

As postagens usam a foto fora de contexto para sugerir que Hasselmann mentiu sobre o diagnóstico, já que ela e a enfermeira estão sem máscaras de proteção. No Facebook, essas publicações reuniam ao menos 2.000 compartilhamentos nesta quinta-feira (18) e foram marcadas com o selo FALSO na ferramenta de verificação (saiba como funciona).


FALSO

Uma foto em que a deputada Joice Hasselmann (PSL-SP) posa no corredor de um hospital enquanto é amparada por uma enfermeira, ambas sem máscaras, tem sido usada em postagens nas redes sociais para desacreditar o diagnóstico de Covid-19 anunciado pela congressista nesta quarta-feira (17). Porém, a imagem foi registrada em 2 de março, quando ela se recuperava de uma histerectomia, cirurgia para retirada completa do útero.

Hasselmann foi operada após terem sido diagnosticados tumores benignos no órgão. A foto que circula agora fora de contexto foi publicada originalmente no perfil de Instagram da parlamentar.

A imagem, portanto, é de duas semanas antes do primeiro registro de óbito decorrente de Covid-19 no Brasil, em 16 de março. Na época, apesar de já ter sido decretada a pandemia do novo coronavírus, a OMS (Organização Mundial da Saúde) e o Ministério da Saúde recomendavam que apenas profissionais de saúde, pessoas com sintomas da doença e pessoas que tiveram contato com infectados usassem máscaras.

A peça de desinformação que circula no Facebook é originada de uma publicação do site Portal de Prefeitura, que usou a foto para ilustrar a notícia sobre o diagnóstico de Covid-19 da deputada, mas não indicou a data original. Procurada por Aos Fatos nesta quinta-feira (18), a página não respondeu até a publicação desta checagem.

Referências:

1. Twitter (@joicehasselman)
2. Instagram (joicehasselmannoficial)
3. G1


De acordo com nossos esforços para alcançar mais pessoas com informação verificada, Aos Fatos libera esta reportagem para livre republicação com atribuição de crédito e link para este site.