🕐 ESTA REPORTAGEM FOI PUBLICADA EM Agosto de 2023. INFORMAÇÕES CONTIDAS NESTE TEXTO PODEM ESTAR DESATUALIZADAS OU TEREM MUDADO.

Tarcísio de Freitas não adquiriu seis veículos blindados para a PM de SP

Por Bianca Bortolon

7 de agosto de 2023, 18h04

É falso que o governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas (Republicanos), tenha adquirido seis blindados para integrar a frota da Polícia Militar. Postagens nas redes utilizam um vídeo gravado em uma feira de segurança pública para difundir a alegação falsa. Na realidade, o veículo é um dos seis entregues em 2015, pelo então governador Geraldo Alckmin, à época no PSDB e atualmente vice-presidente da República pelo PSB.

Publicações com o conteúdo enganoso somavam cerca de 220 mil visualizações no TikTok até a tarde desta segunda-feira (7). O conteúdo também circula no WhatsApp, plataforma em que não é possível medir o alcance (fale com a Fátima).


Selo falso

TARCÍSIO TERROR DO DINO Para combater o PCC de Lula, Gov.SP Tarcísio de Freitas(PL)comprou 6 blindados para a PM de São Paulo

Print do vídeo mostra um veículo conhecido como “Guardião” e alega que o atual governador de São Paulo adquiriu seis blindados, o que não é verdade; compra foi realizada em 2015, na gestão Alckmin.

Não é verdade que o governador Tarcísio de Freitas comprou seis blindados para a frota da PM de São Paulo. Postagens com a alegação falsa utilizam um vídeo gravado na Exposec 2023 para fazer crer que o atual governador do estado teria realizado a compra recentemente. Por telefone, a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo negou a compra de blindados pelo atual governo e informou que o veículo exibido no vídeo foi obtido na gestão Alckmin, quando ele ainda era filiado ao PSDB.

Em 2015, o governo paulista divulgou um vídeo institucional sobre a aquisição dos veículos, apelidados de “Guardião”. No conteúdo, Alckmin aparece ao lado de Alexandre de Moraes, então secretário de Segurança Pública do estado. O objetivo principal da compra foi o controle de multidões em jogos de futebol e combate a incêndios.

Esta peça de desinformação também foi desmentida pelo UOL Confere e pela Reuters Fact Check.

Referências:
1. YouTube (Carioca Aventura e Sobrevivência e Governo de São Paulo)
2. G1

Topo

Usamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concordará com estas condições.