🕐 ESTA REPORTAGEM FOI PUBLICADA EM Junho de 2023. INFORMAÇÕES CONTIDAS NESTE TEXTO PODEM ESTAR DESATUALIZADAS OU TEREM MUDADO.

Pix de Bolsonaro não foi bloqueado por decisão de Alexandre de Moraes

Por Luiz Fernando Menezes

26 de junho de 2023, 16h14

Não é verdade que o ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Alexandre de Moraes ordenou o bloqueio de uma conta usada pelo ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) para receber doações via Pix, como afirmam publicações nas redes. Não há qualquer decisão semelhante no site do STF ou em registros na imprensa. A peça de desinformação tenta forjar a identidade visual do Poder360, mas falha ao usar fontes diferentes das adotadas pelo portal de notícias e ignorar elementos da identidade visual do site.

A montagem viralizou principalmente no Twitter, onde acumula mais de 5.000 compartilhamentos até a tarde desta segunda-feira (26). Ela também circula no Facebook, onde foi compartilhada centenas de vezes, e no WhatsApp, plataforma em que não é possível estimar o alcance (fale com a Fátima).


Selo falso

Moraes bloqueia conta de Bolsonaro que pedia Pix.

Peça de desinformação forja notícia do Poder360 com título ‘Moraes bloqueia conta de Bolsonaro que pedia Pix’

São enganosas as publicações que mostram uma suposta reportagem publicada pelo Poder360 com o título “Moraes bloqueia conta de Bolsonaro que pedia Pix”. Em busca no site do STF e na imprensa, não foram encontradas informações sobre qualquer decisão semelhante. Em nota enviada ao Aos Fatos, o Poder360 também negou ter publicado qualquer notícia similar à veiculada pelas peças de desinformação.

O print que circula nas redes também traz indícios de edição (veja abaixo):

  • As fontes usadas no título e no subtítulo da peça de desinformação não são as mesmas usadas pelo Poder360;
  • Diferente do que ocorre no portal de notícias, o print falso não traz indicação de autoria ou da data da publicação.

Comparação entre notícia publicada pelo Poder360 e peça de desinformação mostra diferenças nas fontes e nos elementos visuais
Montagem. Notícia falsa (à direita) usa fontes diferentes das adotadas pelo Poder360 e não traz informações sobre data e autoria (Reprodução)

A última citação ao nome do ex-presidente no site do STF foi publicada no dia 21 de maio e dizia respeito ao início do julgamento da Aije (Ação de Investigação Judicial Eleitoral) que pede pela inelegibilidade da chapa Bolsonaro e Walter Braga Netto (PL) por abuso de poder político durante as eleições de 2022.

As peças de desinformação passaram a circular depois que congressistas e influenciadores bolsonaristas disseminaram uma campanha para pedir doações para o ex-presidente. De acordo com os organizadores, o dinheiro arrecadado tem o objetivo de ajudar Bolsonaro a quitar as multas que estaria recebendo em decorrência de diversos processos judiciais.

O Boatos.org também publicou uma checagem sobre o assunto.

Referências:

1. STF (1, 2 e 3)
2. Aos Fatos
3. O Estado de S. Paulo

Topo

Usamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concordará com estas condições.