🕐 ESTA REPORTAGEM FOI PUBLICADA EM Julho de 2023. INFORMAÇÕES CONTIDAS NESTE TEXTO PODEM ESTAR DESATUALIZADAS OU TEREM MUDADO.

Jornal italiano não publicou que filho de Alexandre de Moraes agrediu empresário

Por Marco Faustino

18 de julho de 2023, 16h14

É falso que o jornal italiano Ansa divulgou que o filho do ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Alexandre de Moraes agrediu o empresário Roberto Mantovani, como afirmam publicações nas redes. Além de a Ansa ser uma agência de notícias, não um jornal, o parágrafo em italiano destacado na imagem compartilhada pelas peças de desinformação diz o oposto — ou seja, que o filho de Moraes foi agredido, não que tenha sido o autor da agressão.

Publicações com o conteúdo enganoso acumulavam 1.100 compartilhamentos no Facebook e centenas de curtidas no Instagram nesta terça-feira (18). As peças enganosas circulam também no WhatsApp, plataforma na qual não é possível estimar o alcance (fale com a Fátima).


Selo falso

No jornal italiano saiu que o filho do Alexandre de Moraes agrediu Roberto Mantovani. Eu acredito no jornal italiano e não no ditador Xandão

Captura de tela destaca parágrafo de notícia traduzida para o italiano, originalmente publicada em português pela Ansa Brasil, para alegar que o filho do ministro Alexandre de Moraes agrediu um homem na Itália, o que é falso. O texto informa o oposto — ou seja, que o filho de Moraes foi agredido por um homem no aeroporto internacional de Roma.

Posts nas redes enganam ao alegar que um jornal italiano divulgou que o filho do ministro do STF Alexandre de Moraes agrediu o empresário Roberto Mantovani no aeroporto de Roma. O texto difundido pelas peças de desinformação é uma montagem com a tradução automática para o italiano de uma notícia publicada originalmente em português pela agência Ansa Brasil, em 15 de julho. A informação foi reforçada em entrevista ao Aos Fatos pelo editor da agência, Lucas Rizzi, que também explicou que a notícia não foi publicada em italiano. Em nenhum momento do texto, em português ou mesmo na tradução feita para o italiano, é dito que o filho de Moraes agrediu uma pessoa.

Segundo a imprensa brasileira, citando interlocutores da Polícia Federal e do Ministério da Justiça, o filho do ministro chegou a ser agredido fisicamente por um homem identificado como Roberto Mantovani”, registra o parágrafo pinçado pelas peças checadas.

A Ansa Brasil é um portal de notícias em português da agência italiana Ansa. A sucursal brasileira informou ao Aos Fatos que não publicou nenhum texto dizendo que o filho do ministro Alexandre de Moraes agrediu um homem na Itália, e que o texto publicado em 15 de julho segue inalterado desde a sua publicação.

Leia mais
Explicamos O que se sabe sobre o caso de agressão à família de Alexandre de Moraes na Itália

Hostilidade. O ministro Alexandre de Moraes relatou à Polícia Federal que ele e seus familiares foram hostilizado por brasileiros no aeroporto de Roma, na sexta-feira (14). O magistrado aguardava um voo para outro país da Europa após participar de uma palestra no Fórum Internacional de Direito, na Universidade de Siena.

Segundo o relato, o empresário Roberto Mantovani Filho teria gritado, empurrado e acertado um tapa no rosto do filho do ministro. Andréia Munarão, mulher de Mantovani, teria se dirigido a Moraes e dito que ele seria “bandido, comunista e comprado”. Já Alex Zanatta Bignotto, genro de Mantovani, também teria proferido ofensas contra a família de Moraes. Em nota, o advogado que representa os três suspeitos nega que eles tenham ofendido o ministro e sua família.

Referências:

1. Ansa Brasil
2. Congresso em Foco
3. Aos Fatos
4. G1

Topo

Usamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concordará com estas condições.