Posts omitem ajuda de personalidades para sugerir que apenas a direita auxiliou o RS

Por Luiz Fernando Menezes

29 de maio de 2024, 16h54

Não é verdade que o governo federal e personalidades como a empresária Luiza Trajano e o influenciador Felipe Neto ignoraram a tragédia causada pelas enchentes no Rio Grande do Sul. As publicações que fazem essa alegação dividem famosos de forma arbitrária por espectro político para sugerir que apenas os que seriam ligados à direita teriam ajudado as vítimas. Na realidade, todos os citados auxiliaram a população gaúcha.

Os posts, que também defendem a tese enganosa de que apenas a população ajudou o Rio Grande do Sul, acumulavam ao menos 5.000 curtidas no Instagram e 2.000 compartilhamentos no Facebook até a tarde desta quarta-feira (29).

Leia mais
WHATSAPP Inscreva-se no nosso canal e receba as nossas checagens e reportagens

Selo falso

PATRIOTAS, AQUELES QUE IGNORARAM A TRAGÉDIA COM OS IRMÃOS DO SUL NÃO MERECERÃO NOSSA ADMIRAÇÃO.

Post compara personalidades e entidades para sugerir que apenas direita ajudou o RS

É mentirosa a publicação que divide personalidades de acordo com seus supostos posicionamentos políticos para alegar que apenas pessoas ligadas à direita ajudaram as vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul. Ao contrário do que afirmam as peças, todos os acusadas de “ignorar” a tragédia enviaram algum tipo de ajuda ao estado:

Diferentemente do que afirmam as peças de desinformação, o MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra) — cujos assentamentos foram atingidos pelas enchentes — também tem oferecido ajuda humanitária. O movimento é responsável por cozinhas solidárias, que oferecem refeições diárias a cidades gaúchas, e participa também de operações de resgate e limpeza.

Por fim, também é mentira que o governo federal teria “ignorado” os efeitos das enchentes. A União, até o momento, mobilizou 38 mil profissionais de diversas áreas, construiu 12 hospitais de campanha, entregou mais de 6.000 toneladas de doações e investiu um total de R$ 62,5 bilhões. Entre as despesas, está o pagamento do auxílio reconstrução, apoio financeiro de R$ 5.100 pago às famílias que perderam suas casas por causa das chuvas.

Leia mais
Nas Redes Posts enganam ao comparar esforços de militares e governo no RS com ajuda enviada por Luciano Hang
Explicamos Por onde passam as doações até chegarem às vítimas de enchentes no RS

É fato, no entanto, que as personalidades classificadas pelas publicações como “de direita” também ajudaram o Rio Grande do Sul. O empresário Luciano Hang, por exemplo, enviou helicópteros da Havan para auxiliar nas operações de resgate. Já Neymar mobilizou seus aviões e entregou mantimentos para as vítimas.

Referências:

1. Sampi
2. GZH (1 e 2)
3. g1
4. Instagram (@diogonogueira_oficial)
5. Instagram (@osdonosdabola)
6. Instagram (@havanoficial)
7. Band
8. Brasil de Fato (1 e 2)
9. MST
10. Planalto (1 e 2)
11. Revista Quem

Topo

Usamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concordará com estas condições.