É falso que Lula, Dilma e Dirceu anunciaram live sobre combate à corrupção

Por Luiz Fernando Menezes

13 de maio de 2020, 18h21


Não é verdade que foi anunciada uma transmissão ao vivo sobre combate à corrupção e moralidade na administração pública com os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff e o ex-ministro José Dirceu, todos do PT (veja aqui). A imagem de divulgação que circula em posts nas redes sociais não aparece em sites ou perfis do partido e dos três políticos. Em nota, a assessoria de Lula negou a existência do evento.

A imagem teria nascido como um meme, segundo indícios reunidos por Aos Fatos, mas logo passou a ser veiculada como se fosse real. No Facebook, uma das publicações do conteúdo enganoso com mais interações é da deputada federal Major Fabiana (PSL-RJ). No Twitter, o anúncio foi postado pelo humorista Danilo Gentili sem indicações de que seria uma piada. Peças de desinformação semelhantes foram marcadas com o selo FALSO na ferramenta de verificação da rede social (saiba como funciona).


FALSO

É falso o anúncio de uma transmissão ao vivo na internet com os ex-presidentes Lula e Dilma e o ex-ministro José Dirceu, todos do PT, sobre moralidade na administração pública e combate à corrupção. O evento não consta em sites nem perfis oficiais do partido ou dos políticos citados. A assessoria de Lula também negou a existência da live.

Não há o anúncio de nenhuma transmissão nas contas de Facebook (Lula e Dilma), Twitter (Lula e Dilma) ou Instagram (Lula e Dilma) dos políticos. José Dirceu não possui nenhum perfil verificado nas redes sociais, mas a página destinada ao seu livro também não traz nenhum evento semelhante. Também não há nenhum registro de live semelhante nas redes sociais ou no site oficial do PT. Até o momento, a participação de Lula foi anunciada apenas em uma gravação sobre violência contra a mulher durante a pandemia nesta quarta-feira (13).

Aos Fatos também fez uma busca reversa da imagem do anúncio, mas não foram encontrou publicações semelhantes em perfis ou sites ligados ao petismo.

Em nota enviada ao Aos Fatos, a assessoria de Lula também negou a existência do evento: “Não aconteceu nem tem previsão de acontecer. A arte é falsa”. Dilma e José Dirceu também foram procurados, mas não responderam até a publicação desta checagem.

Disseminação. A imagem parece ter sido criada como um meme, mas acabou tomada como real ao ser compartilhada em perfis alinhados ao bolsonarismo. Aliada do presidente, a deputada federal e vice-líder do governo na Câmara dos Deputados, Major Fabiana (PSL-RJ), publicou o conteúdo enganoso em seu Twitter na manhã da última terça-feira (12).

Ao ser questionada por Aos Fatos sobre a fonte da informação, a assessoria da deputada respondeu que “a imagem em questão foi amplamente divulgada através de WhatsApp, Facebook, Instagram e Twitter, inclusive, foi através deste último que a postagem foi feita. Dado que nos últimos dias houve grande crescimento do número de lives, especialmente envolvendo os personagens em questão e, conhecendo a capacidade de desfaçatez dos mesmos, acreditamos — até o presente momento — tratar-se de uma postagem real”. Após o Aos Fatos enviar evidências de que o evento não existe, a assessoria não respondeu mais.

Procurado por Aos Fatos nesta quarta-feira, o humorista Danilo Gentili, que amplificou a desinformação no Twitter em dois posts nesta terça-feira (12), não havia respondido até a publicação desta checagem.