Aos Fatos lança robô checadora Fátima no Telegram

1 de setembro de 2022, 11h00

A Fátima, robô checadora do Aos Fatos no WhatsApp e no Facebook Messenger, passa a estar disponível também no aplicativo de mensagens Telegram a partir desta quinta-feira (1º).

O funcionamento do bot na nova plataforma é semelhante à sua versão no WhatsApp: por meio de interações simples, é possível buscar checagens, denunciar desinformação, receber textos publicados recentemente, acessar informações sobre o Aos Fatos e contribuir para o programa de membros Aos Fatos Mais.

Para falar com a robô do Telegram, é preciso acessar o link t.me/aosfatosfatimabot, enviar "Oi, Fátima" e seguir as orientações do menu. Por enquanto, é possível interagir apenas por mensagens de texto. Nos próximos meses, usuários também poderão enviar links, imagens e vídeos, como já acontece no WhatsApp.

"Com a Fátima, Aos Fatos foi precursor do uso de bots no jornalismo brasileiro. Sua versão para o Telegram chega em boa hora. À medida que nos aproximamos do primeiro turno, mais requisitado esse tipo de tecnologia é. Estaremos muito bem posicionados para combater desinformação em um momento crítico", diz Tai Nalon, diretora executiva do Aos Fatos.

O projeto Fátima no Telegram foi desenvolvido pela equipe de tecnologia do Aos Fatos e financiado com ajuda do Programa Cidadania, do Instituto Votorantim.

"O projeto Fátima é inovador e de extrema relevância no atual contexto pois atua no enfrentamento a desinformação de maneira simples e rápida. O apoio a essa iniciativa faz parte do Programa Cidadania do Instituto Votorantim, que desde 2018 atua no fortalecimento da cultura democrática. Neste ano, uma de nossas ações é apoiar projetos que utilizam a tecnologia para a inovação eleitoral, e a Fátima é um deles”, afirma Ana Bonimani, gerente de Gestão de Programas do Instituto Votorantim.

Multiplataforma. O lançamento é parte da estratégia do Aos Fatos de expandir sua presença nas redes sociais antes das eleições— neste ano, também foram criados um canal no Telegram e perfis no TikTok, no Kwai e no Helo.

Como parte da cobertura eleitoral, Aos Fatos ainda estreou uma série de vídeos multiplataforma sobre desinformação eleitoral, destacou um novo tema de monitoramento no Radar Aos Fatos, lançou o Banco de Discursos de presidenciáveis e está distribuindo a jornalistas mil acessos gratuitos da ferramenta de transcrição automática Escriba.

Topo

Usamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concordará com estas condições.